Maranhão - Timon

Polícia Federal deflagra Operação Nômade na cidade de Timon

A operação visa cumprir 2 mandados de prisão, 03 de busca e apreensão e 7 de condução coercitiva.

BRUNNO SUÊNIO

- atualizado

A Polícia Federal no Piauí deflagrou na manhã desta terça-feira (16) a Operação Nômade, em Timon, com o objetivo de prender suspeitos de integrar uma quadrilha responsável por realizar um assalto à agência do Correios da cidade de Pimenteiras no ano passado, no interior do Estado.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Polícia Federal Polícia Federal

De acordo com a Polícia Federal, ao todo foram expedidos pelo Juiz Federal da Subseção da Vara única de Picos-PI, 03 mandados de busca e apreensão, 02 mandados de prisão e 07 mandados de condução coercitiva. O grupo criminoso é acusado de roubar R$ 160 mil durante o arrombamento da agência, ocorrido em 02 de agosto de 2016. Na ocasião, uma pessoa foi feita refém.

O nome da operação se deu em virtude das constantes mudanças de endereço do grupo criminoso.

Entendo caso

Cinco homens armados invadiram a agência dos Correios da cidade de Pimenteiras, na madrugada do dia 02 de agosto de 2016, arrombaram a porta do local e tiveram acesso ao cofre da agência, roubando R$ 160 mil. Na ocasião, um morador do município ficou refém da quadrilha, que fugiu levando o cofre com a quantia informada.

De acordo com o PM José Vitor, o veículo utilizado na fuga foi localizado logo depois pela Companhia da Polícia Militar de Valença.

Mais conteúdo sobre: