Piauí - Valença

Policial mata estudante de Direito com tiro na cabeça em Valença

A jovem de apenas 21 anos foi morta na madrugada deste sábado em uma churrascaria da própria família.

BRUNNO SUÊNIO E THAIS GUIMARÃES

- atualizado

  • Foto: Reprodução/FacebookSuellen Marinheiro LulaSuellen Marinheiro Lula

Uma estudante universitária do curso de Direito, identificada como Suellen Marinheiro Lula, 21 anos, foi morta por um policial militar com um tiro na cabeça na madrugada deste sábado (15), dentro de uma churrascaria localizada na cidade de Valença do Piauí, distante 210km de Teresina.

De acordo com o capitão Santos, comandante da Polícia Militar em Valença do Piauí, o policial, identificado como Rafael do Nascimento de Oliveira Rosa, é lotado na 1ª Companhia do 11º Batalhão da Polícia Militar de Tauá, no Ceará.

Conforme informações repassadas pelo capitão Santos, o crime ocorreu por volta de 1h10min da madrugada. “O policial tentou adentrar sem pagar em uma festa que ocorria na churrascaria, pertencente à família da vítima, dando aquela conhecida ‘carteirada’. O irmão da jovem, que é cabo do Exército Brasileiro, tentou impedir sua entrada, no que Rafael do Nascimento sacou a arma e atirou. O tiro atingiu a cabeça da moça, que morreu na hora”, informou ao GP1.

O comandante explicou que o autor do homicídio foi preso em flagrante. “Após o crime, as pessoas investiram contra ele e tentaram agredi-lo, mas nós chegamos imediatamente no local. Ele não apresentava documentos, mas na delegacia informou seu nome completo e contou que mora no município de Pimenteiras e trabalha no Ceará”, explicou.

Ainda segundo o capitão Santos, o PM estava acompanhado de um amigo que é oficial do Exército Brasileiro. “Esse amigo está sendo conduzido para a delegacia para prestar depoimento. Ele comentou que o rapaz que matou a jovem é policial militar em estágio probatório”, pontuou.

A arma utilizada no crime não foi encontrada. “No local só encontramos uma cápsula, no entanto, a arma de fogo, que segundo Rafael do Nascimento é uma pistola de calibre 380, não foi localizada. Ele informou que a arma é registrada em seu nome”, finalizou o comandante Santos.


Link do texto:

Policial mata estudante de Direito com tiro na cabeça em Valença
http://www.gp1.com.br/noticias/policial-mata-estudante-de-direito-com-tiro-na-cabeca-em-valenca-402858.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.