Ciência e Tecnologia

Samsung pede o desligamento do Galaxy Note 7 em todo o mundo

Orientação foi dada a consumidores nessa segunda-feira (10).

NAYRANA MEIRELES

- atualizado

A Samsung, fabricante do smartphone Galaxy Note 7, orientou nesta segunda-feira (10), que seus consumidores desliguem o aparelho imediatamente após uma série de casos de explosões espontâneas envolvendo o smartphone enquanto eles eram carregados. A Samsung chegou a substituir os aparelhos, mas novas explosões também foram registradas nos novos aparelhos.

Em nota, a empresa disse que: “como a segurança dos consumidores continua sendo nossa maior prioridade, a Samsung vai solicitar em escala global a todos os revendedores e parceiros varejistas que interrompam as vendas e substituições do Galaxy Note 7 enquanto as investigações estiverem em andamento”.

  • Foto: DivulgaçãoSamsung Galaxy Note 7 após explosãoSamsung Galaxy Note 7 após explosão

“Consumidores com um Galaxy Note 7 original ou substituto devem desligar o aparelho e interromper seu uso”, concluiu a empresa no comunicado. De acordo com a Veja, em setembro, a Samsung anunciou o recall de 2,5 milhões de aparelhos, no entanto, houve ainda registros de casos de incêndios nos aparelhos inclusive dentro de aviões.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB