Piauí - Esperantina

Segurança do território dos cocais é debatida em Esperantina

O evento intitulado como “Diálogos Territoriais: Segurança, participação e desenvolvimento sustentável” contou com a participação do secretário estadual de segurança Fábio Abreu e diversos políticos.

- atualizado

Nessa terça-feira (18), a cidade de Esperantina sediou um evento da Secretaria Estadual de Segurança Pública, na escola técnica Leonardo das Dores.

O evento intitulado como “Diálogos Territoriais: Segurança, participação e desenvolvimento sustentável” contou com a participação do secretário estadual de segurança Fábio Abreu, da prefeita Vilma Amorim, os prefeitos Marcos Henrique, João Messias, Manoel do Fernandim, Vilma Lima e o prefeito de Pedro II, Alvimar Andrade, o vice-prefeito de Esperantina Jânio Filho, dos vereadores de Esperantina, Manoel Filho, Alcione, Denival, Marcílio Farias, Junior Rodrigues, Domingos Luiz, Elismar Amorim de Morro do Chapéu e Marcelo Coleta de Pedro II e representantes da sociedade civil organizada.

Para o secretário de segurança Fábio Abreu, o evento é muito importante para se ter um diagnóstico sobre a segurança pública em cada região e a participação da sociedade e do poder público é fundamental.

 “Nós estamos realizando este trabalho em todas as regiões para criar o nosso primeiro plano de segurança pública do estado do Piauí, hoje estamos na cidade de Esperantina reunindo todo este território com representantes dos municípios, representantes da sociedade organizada para debatermos um caminho para melhorar a segurança de nosso estado, isto não significa que não temos plano mas é que temos um plano emergencial, mas o que queremos é um plano para 10 20 anos, queremos caracterizar melhor a necessidade de cada região, e dentro do debate vamos montar o plano de segurança, baseado em cada realidade”, comentou Fábio Abreu.

  • Foto: Divulgação/AscomSecretário Fábio AbreuSecretário Fábio Abreu

Fabio Abreu falou da necessidade de efetivos para algumas regiões, mas já foi detectado em algumas regiões que o efetivo não é a prioridade, por isso este debate com a sociedade é que está sendo debatido nestas plenárias. O secretário ainda falou que o investimento no social é muito importante.

“Nós já temos cerca de 13 mil crianças atendidas pelo pelotão mirim para prepararmos nossas crianças para se defenderem das drogas e também tem o Proerd que tem em Esperantina é fundamental para a prevenção da segurança da pública e estas ações sociais são imprescindíveis”.

Sistema de monitoramento eletrônico com câmeras nos municípios.

“A burocracia ainda atrapalha a implantação destes sistema nas cidades de nosso estado, em Esperantina temos um projeto que em breve queremos instalar aqui para melhorar a segurança da cidade”. Esperantina será sede do monitoramento de várias cidades por que aqui tem o quartel responsável pela segurança da região dos cocais”, finalizou o secretário.

  • Foto: Divulgação/AscomPrefeita Vilma AmorimPrefeita Vilma Amorim

A prefeita Vilma Amorim, bastante preocupada com os índices de violências na cidade, pediu ao secretário uma atenção melhor para a região.

 “Nós vivemos uma insegurança em nossa região e nesta plenária queremos tirar metas e ações para contemplar o plano estadual de segurança e com a participação dos entes públicos e da sociedade civil vamos discutir ideias para todo o estado do Piauí, a participação do secretário e do deputado Lima é muito importante, pois daqui eles terão a noção para encaminhar para aprovação o que pensa a sociedade e também os gestores públicos sobre a segurança de cada região”, disse a prefeita.


MAIS NA WEB