Piauí

Sejus divulga resultado do concurso para agente penitenciário

De acordo com a Sejus, os agentes penitenciários em início de carreira (3ª classe) terão remuneração inicial de R$ 5.966,14.

BÁRBARA RODRIGUES E THAIS SOUZA

- atualizado

Divulgação do resultado de concurso para agente penitenciário

O Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos (Nucepe) e a Secretaria Estadual de Justiça (Sejus) lançou nessa terça-feira (26) o resultado final do concurso públicopara agentes penitenciários do Estado do Piauí. A divulgação foi feita no Palácio do Karnak e o concurso foi realizado para o preenchimento de 400 vagas para cadastro reserva, mas apenas 316 conseguiram se classificar.. Atualmente existem 800 agentes penitenciários no Piauí.

Participaram da solenidade a vice-governadora Margarete Coelho (PP), o secretário de Justiça, Daniel Oliveira, o reitor da Universidade Estadual do Piauí (Uespi), presidente da Nucepe, Pedro Soares, Carlos Edson, subsecretário de Justiça, Jacinto Teles, da Academia de Formação Penitenciária do Piauí (Acadepen), entre outras autoridades.

“Vamos homologar o resultado final dos 316 classificados no início de outubro, independente do curso de formação. Após essa homologação vamos até o final desse ano tratar e regulamentar a questão do curso de formação. Esse é nosso objetivo no final deste ano de 2017. Até dezembro vamos regulamentar, selecionar os professores e em 2018 teremos os chamamentos dos primeiros colocados. Até agora a equipe financeira não finalizou o estudo sobre quantos serão chamados, mas certamente a ideia é de que tenhamos o máximo possível, com o indicativo de 75 [classificados convocados]. No início de 2018 devemos fazer a convocação”, explicou o secretário Daniel Oliveira.

Vejaaquiresultado final

A primeira prova do concurso foi realizada no dia 18 de setembro de 2016, mas no mesmo dia algumas pessoas foram presas acusadas de fraude. O certame foi anulado e uma nova prova foi realizada no dia 19 de março deste ano. O presidente do Nucepe, Pedro Soares, explicou que o episódio de fraude foi superado e que as demais etapas ocorreram sem problemas.

“Tivemos intercorrências, mas foram devidamente contornadas, com a primeira etapa sendo reaplicada, com inserção da prova dissertativa que é um inibidor de mecanismos de transferência de gabarito. Tanto que o concurso transcorreu na maior lisura e após a primeira etapa, as demais tem apenas o caráter habilitatório e com o número definido de candidatos classificados. Dos 400 houve bastante reprovação na etapa do física e psicológica, de tal forma que o número resultante é de 316 candidatos”, explicou.

O concurso público foi feito para formação de cadastro reserva e os classificados serão convocados de acordo com a necessidade e disponibilidade financeira da Secretaria de Justiça. De acordo com a Sejus, os agentes penitenciários em início de carreira (3ª classe) terão remuneração inicial de R$ 5.966,14.

MAIS NA WEB