Política

Senadora Gleisi Hoffmann é eleita presidente nacional do PT

Gleisi era candidata da corrente majoritária Construindo um Novo Brasil (CNB) e obteve 367 votos, 61% do total.

BRUNNO SUÊNIO

- atualizado

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) foi eleita presidente nacional do PT, neste sábado (3), durante o 6º Congresso Nacional do partido, em Brasília. Gleisi era candidata da corrente majoritária Construindo um Novo Brasil (CNB) e obteve 367 votos, 61% do total, contra 226 votos (38%) do senador Lindbergh Farias (PT-RJ), que foi apoiado pelo Muda PT (grupo que reúne quatro correntes de esquerda).

Segundo o Estadão, na véspera as correntes Optei e Movimento PT, que tiveram cerca de 25% dos delegados no 6º Congresso, ameaçaram apoiar Lindbergh. Lula entrou no circuito, telefonou pessoalmente para o ex-deputado Geraldo Magela, líder do Movimento PT, e para o deputado estadual José Américo Dias (PT-SP), do Optei, para pedir apoio à Gleisi.

  • Foto: Daniel Teixeira/Estadão ConteúdoGleisi HoffmannGleisi Hoffmann

Com relação à disputa pelas chapas quer vão determinar a proporção de cargos de cada corrente na Executiva Nacional e no Diretório Nacional do PT, a aliança entre CNB e O Trabalho teve 290 votos, o Muda PT teve 153, Optei 92, Movimento PT 62 e a Articulação de Esquerda 35.

O mais importante desafio da nova presidente é de conduzir a agenda política do principal partido de oposição no país, que perdeu força apósescândalos de corrupção revelados pela operação Lava Jato.

MAIS NA WEB