Piauí - Teresina

Sesapi registra aumento de 24,5% em casos de chikungunya no Piauí

Os dados são da Coordenação de Vigilância em Saúde Ambiental, da Secretaria de Estado da Saúde.

FELIPE PEDRO

- atualizado

De janeiro a 9 de março de 2017, o Piauí notificou 248 casos de dengue, uma redução de 72,5% em relação ao mesmo período do ano passado, em que registrou 905 casos. Já os casos de febre chikungunya, foram 49 notificações, um aumento de 24,5% em relação ao mesmo período de 2016. Os dados são da Coordenação de Vigilância em Saúde Ambiental, da Secretaria de Estado da Saúde.

  • Foto: Ministério da SaúdeAnvisa alerta clientes sobre preço da vacina da dengue O índice de chikungunya aumentou comparado ao mesmo período no ano passado

De acordo com o boletim, em 2017, a notificação dos casos de dengue foi realizada por 40 municípios piauienses, em nenhum deles foi registrada alta incidência da doença, nem dengue com sinal de alarme. Teresina, Uruçui, Capitão de Campos, Lagoa de São Francisco, Picos, Parnaíba e Porto apresentaram maior número de casos prováveis notificados.

Os casos de zika vírus foram sete, sendo um confirmado. As notificações ocorreram em três municípios. Apesar da redução dos casos notificados de dengue, e diante dos números elevados de chikungunya, Estado, municípios e a sociedade em geral devem continuar em alerta para evitar a proliferação do Aedes aegypti, mosquito transmissor dessas doenças.

Confira o Boletim Epidemiológico

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB