Piauí - Teresina

Sistema de Registro de Ocorrência é lançado nessa quarta-feira

A população poderá registrar Boletim de Ocorrência em qualquer um dos 18 distritos policiais da capital, independente do local onde o crime ocorreu.

THAIS SOUZA E PRISCILA CALDAS

Nesta quarta-feira (16), foi lançado o Sistema de Registro de Ocorrência, por meio do secretário estadual de Segurança Pública, Fábio Abreu, e o delegado geral da Polícia Civil do Piauí, Riedel Batista, que será implantado nas delegacias do Estado. O lançamento ocorreu na Academia de Polícia Civil (Acadepol), localizada no bairro Saci, zona sul de Teresina.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Fábio Abreu e Riedel Batista Fábio Abreu e Riedel Batista

“A Polinter (Polícia Interestadual) poderá registrar o boletim de ocorrência, mas também qualquer um dos 18 distritos. Agora, em relação a Delegacia da Mulher, do Trânsito e do Idoso, como se trata de registros mais preciosos, com mais cuidados, e que envolvem informações sigilosas, no momento, vai permanecer na Delegacia Especializada e, futuramente, vai ser migrada para o Distrito Integrado”, disse o delegado geral da Polícia Civil, Riedel Batista.

Vale destacar, que novo sistema está passando por ajustes antes de ser implementado e os policiais civis serão treinados para utilizá-lo. Além de facilitar o acesso ao B. O., a Secretaria de Segurança Pública do Piauí, através do Núcleo de Estatísticas, está realizando um trabalho de redefinição das circunscrições dos distritos. O trabalho permitirá delimitar de forma mais precisa as áreas de atuação das delegacias, além de possibilitar um planejamento estratégico da polícia preventiva e investigativa.


Link do texto:

Sistema de Registro de Ocorrência é lançado nessa quarta-feira
http://www.gp1.com.br/noticias/sistema-de-registro-de-ocorrencia-e-lancado-nessa-quarta-feira-404492.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.