Mundo

Suspeito é morto por soldados franceses em aeroporto de Paris

A polícia investiga ainda se o homem fazia parte de algum grupo terrorista ou se agia sozinho.

SUYNARA OLIVEIRA

- atualizado

Na manhã deste sábado (18), um homem foi morto a tiros pela Polícia Nacional da França no aeroporto de Orly, segundo maior de Paris. O homem foi atingido depois de ter tentado tomar a arma de um policial. O local foi evacuado e uma aérea de segurança na região foi delimitada.

A polícia investiga ainda se o homem fazia parte de algum grupo terrorista ou se agia sozinho. De acordo com o Estadão,o soldado atacado fazia parte de uma divisão especial formada por 7.500 homens espalhados pelo país para lugares tidos como possíveis alvos de ataques terroristas. 

  • Foto: REUTERS/Christian HartmannAmbulâncias chegam ao aeroporto de Orly, no sul da França, após suspeito ser abatido por policiaisAmbulâncias chegam ao aeroporto de Orly, no sul da França, após suspeito ser abatido por policiais

Todos os pousos e decolagens foram suspensos no aeroporto, e todos os voos foram deslocados para o aeroporto Charles de Gaulle, principal da França. Por enquanto, não há previsão do retorno das atividades normais.

Esta é segunda vez, neste ano, que uma pessoa ataca soldados franceses dessa maneira. No dia 3 de fevereiro, um homem egípcio atacou um segurança do Museu do Louvre e gritou "Deus é maior", em árabe.

Mais conteúdo sobre: