Piauí - Teresina

TJ-PI recebe denúncia contra acusado de matar estudante da UFPI

A decisão da juíza de direito Maria Zilnar Coutinho Leal, da 2ª Vara do Tribunal Popular do Júri, é desta quarta-feira (26).

BRUNNO SUÊNIO

- atualizado

A juíza de direito Maria Zilnar Coutinho Leal, da 2ª Vara do Tribunal Popular do Júri, recebeu denúncia de homicídio simples contra Durval Alves Camelo acusado de matar o estudante da UFPI, Lucas Pereira dos Santos, de 25 anos, em um acidente ocorrido no dia 28 de maio deste ano, na BR 316, em Teresina. A decisão é desta quarta-feira (26).

A denúncia foi apresentada pelo promotor João Mendes Benigno Filho, no dia 30 de junho.

  • Foto: Facebook/Lucas SantosLucas Santos, estudante de educação físicaLucas Santos, estudante de educação física

Segundo a denúncia do MP, “as vítimas trafegavam pela pista correta e o acusado invadiu a contramão, colidindo frontalmente com a motocicleta”. O denunciante relata ainda que “os policiais rodoviários federais constataram que o acusado apresentava sinais de embriaguez, submetendo-o a exame de alcoolemia, tendo como resultado 0.42 mg/l, positivo para embriaguez”.

O promotor alega que “o acusado não tinha a vontade consciente de ceifar a vida das vítimas, contudo, ao dirigir embriagado e trafegar pela contramão assumiu o risco de produzir o acidente de trânsito e causar a morte de Lucas Pereira dos Santos e as lesões que resultaram em perigo de vida de Isabelly Mendes de Carvalho. Agindo, assim, com dolo eventual”.

O representante do Ministério Público requereu que o acusado seja interrogado, pronunciado e, ao final, condenado pelo Tribunal do Júri. A magistrada determinou a citação do acusado para responder à acusação, por escrito, em 10 (dez) dias.

Prisão revogada

No dia 4 de julho, o juiz de direito da Central de Inquéritos de Teresina, Luiz de Moura Correia, deferiu pedido para revogar a prisão preventiva de Durval Alves Camelo.

O acidente

Lucas e uma jovem identificada como Isabelly Mendes de Carvalho, de 19 anos, trafegavam em uma motocicleta, no km 16 da BR 316, por volta de 21h45min, quando foram atingidos por Durval Alves, que dirigia um veículo Fiat Uno Mille, e invadiu a contramão colidindo frontalmente contra as vítimas.

Lucas, que pilotava a moto, não resistiu aos ferimentos e morreu no local, em decorrência de choque hipovolêmico hemorrágico, conforme laudo cadavérico. Já Isabelly, sofreu lesões graves.

MAIS NA WEB