Mundo

Ursa mais velha do mundo morre aos 38 anos na China

Restam menos de 2 mil pandas selvagens, segundo ONG.

NAYRANA MEIRELES

  • Foto: Kin Cheung/APJia JiaJia Jia

A ursa panda gigante mais velha do mundo em cativeiro morreu no último sábado (15), aos 38 anos, em um parque temático de Hong Kong. O estado de saúde de Jia Jia, piorou nas últimas semanas, segundo comunicado divulgado pelo Ocean Park.

Jia Jia nasceu na província chinesa de Sichuan, em 1978. O animal foi levado para Hong Kong em 1999, por causa da devolução da cidade semiautônoma pela Grã-Bretanha dois anos antes. "Seu estado de saúde piorou tanto que, por questões éticas e a fim de evitar seu sofrimento, veterinários do Departamento de Agricultura, Pesca e Preservação e o Ocean Park concordaram em sacrificá-la", informou o parque.

Segundo o Fundo Mundial para a Natureza (WWF), restam menos de 2 mil pandas selvagens devido à destruição de seus habitats. Os programas de criação em cativeiro se tornaram um fator-chave para garantir a sobrevivência destes animais, por causa do baixo número de nascimentos.


Link do texto:

Ursa mais velha do mundo morre aos 38 anos na China
http://www.gp1.com.br/noticias/ursa-mais-velha-do-mundo-morre-aos-38-anos-na-china-402961.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.