Enviar por e-mail

Enviar notícia por e-mail
Exemplo: nome@example.com. Para enviar para mais de uma pessoa, separe os endereços por vírgulas
Informe o seu nome
Informe o seu endereço de e-mail
Os comentários serão incluídos na mensagem

Comunicar erros

Comunicar erro na notícia
Informe o seu nome
Informe o seu endereço de e-mail
Descreva o que há de errado com esta notícia
23/09/2011 - 11h01
"O vale em papel vai acabar"

Vale transporte de papel vira cartão eletrônico; Entenda as mudanças

Muitos dos principais envolvidos do projeto do Setut ainda não conhecem detalhes da nova forma de vale transporte que já é adotada na capital por 555 empresas.

MANUELA COELHO DO GP1
Atualizada em 23/09/2011 - 09h52
“O vale transporte de papel vai acabar”, é o que diz o Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (Setut).

Mas acontece, é que muitos dos principais envolvidos do projeto do Setut ainda não conhecem detalhes da nova forma de vale transporte que já é adotada na capital por 555 empresas.

Vale transporte eletrônico

O vale-transporte eletrônico, é um cartão que está substituindo o vale de papel. E este cartão é destinado a pessoas que possuem vínculo empregatício, pois é fornecido pelas empresas aos seus empregados. De acordo com o Setut, com esse novo sistema os usuários de transporte público adquirem diversas vantagens e a principal delas é a segurança aos usuários e as empresas.

“O vale transporte eletrônico, garante mais segurança e confiabilidade ao sistema. Cada funcionário da empresa recebe um cartão e neste são inseridos os créditos referentes ao auxilio transporte que ele recebe da empresa de onde trabalha. Esse sistema já é utilizado em quase todos os estado do Brasil”
Imagem: ReproduçãoVale-transporte eletrônico será substituído pelo vale-transporte em papel.(Imagem:Reprodução)Vale-transporte eletrônico será substituído pelo vale-transporte em papel.

Benefício garantido por lei

Com esse sistema as empresas são obrigadas a fornecer o credito no cartão, não podendo optar entre o cartão e o vale de papel. O vale transporte é um beneficio garantido por lei a mais de 20 anos e os trabalhadores têm direito de receber o auxilio transporte e ainda é proibida a substituição do vale transporte por dinheiro ou por outro beneficio. Os trabalhadores optam entre receber ou não. Mas eles não podem optar por receber os créditos ou dinheiro.

Como aderir

Para a empresa aderir a esse novo sistema, basta fazer um cadastro no Setut. Depois de cadastrado no sistema, empregado da empresa receberá o cartão, sem custo, para que seja utilizado nos ônibus. A recarga é mensal e feita pela própria empresa.

Quem não tem direito ao benefício

Para aqueles que não têm direito ao benefício que é o vale transporte, que não trabalha em uma empresa regular, ele vai poder ter um “Cartão Mais Fácil Expresso”, adquirido em postos de vendas credenciados pelo Setut.

“Os cartões são recarregáveis e os créditos são inseridos de acordo com a necessidade do usuário. Ou então podem optar pelo dinheiro, mas o vale em papel vai deixar de existir por questão de segurança”, explica o Setut.

Como funciona o vale eletrônico

A compra do vale eletrônico é feita online automaticamente, ninguém precisa transportar nem dinheiro e nem papel.

“Quando você entra no ônibus ele insere os créditos na data e na quantidade determinada pela empresa. O vale-transporte eletrônico é armazenado em um cartão com chip contendo o nome do usuário, data de aquisição e de validade. Sendo pessoal e intransferível”, informou o Setut.
Imagem: ReproduçãoO cartão vale eletrônico será usado nos ônibus coletivos de Teresina.(Imagem:Reprodução)O cartão vale eletrônico será usado nos ônibus coletivos de Teresina.

Benefícios do novo sistema para o empregador e o empregado

O novo formato garante mais segurança para o empregado que recebe o vale eletrônico e para o empregador que compra e fornece. Com o sistema informatizado, evita-se o roubo e fraude. Em caso de perda ou roubo, o usuário precisará pedir o bloqueio e a confecção de um novo. A 2ª via será cobrada para o servidor e os créditos existentes serão transferidos automaticamente para o novo cartão.

“Freqüentemente a gente ver caso de assalto ou roubo a vales transportes de papel. Em janeiro deste ano, por exemplo, teve um roubo na Fundação Municipal de Saúde e roubaram R$ 11 mil em vale transportes”, relata Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina.

O Setut informou ainda que o novo sistema do vale eletrônico, o trabalho de compra é facilitado: “é que antes do vale eletrônico, teu funcionário da tua empresa a empresa tinha que mandar alguém com dinheiro ir ao Setut comprar o vale em papel e trazer de volta aquela sacola de vale, correndo o risco de ser assaltado no caminho. Então ninguém precisa se locomover com vale em papel e nem com cartão”.

Fim do vale transporte em papel


O vale eletrônico, que substituirá os bilhetes em papel, tal como aconteceu com os vales estudantis, acontecerá de forma transitória até a total eliminação dos vales de papel. Que tem como previsão até o final deste ano.

Keywords: setut, vale transporte eletrônico, vale eletrônico, vale transporte, vale transporte em papel


Saiba mais sobre Notícias do Piauí
Avalie:
Média de avaliações:
0 votos
Comente esta reportagem
Comentário
Escreva aqui seu comentário
De onde você é?
Escolha um Estado
Escolha sua Cidade
Quem é você?
Informe o seu Nome
Informe o seu E-mail!

Comentários (1)

  • Luis, Teresina-PI disse:
    Deixado em 23/09/2011 às 13h21

    Já não era tempo, em todas capitais já tem.
    em São Luis já faz 5 anos que tem.

tempo real


Publicidade