Piauí - Teresina

Vereadores comemoram Dia Nacional da Consciência Negra

A data foi escolhida em alusão ao aniversário de morte de Zumbi dos Palmares (1695), último líder do Quilombo de Palmares, o maior do Período Colonial.

JOCIARA LUZ

Neste domingo, 20 de novembro, é comemorado o Dia Nacional da Consciência Negra. A data foi escolhida em alusão ao aniversário de morte de Zumbi dos Palmares (1695), último líder do Quilombo de Palmares, o maior do Período Colonial. O Dia Nacional da Consciência Negra foi criado em 2003, como evento do calendário escolar, e em 2011 foi instituído em âmbito Nacional.

Repercutindo o dia, vereadores da capital fizeram postagens em suas páginas no facebook, lembrando que a data também serve para a defesa dos direitos da população e como um marco para lutar contra o preconceito.

  • Foto: GP1DuduDudu

O vereador Edilberto Borges, o Dudu do PT, afirmou que não irá aceitar nenhum tipo de retrocesso. “Neste dia da Consciência Negra, vamos continuar lutando pelos nossos direitos, buscando uma sociedade cada vez mais igualitária e plural, assim como nós. Não aceitaremos o retrocesso de nenhum direito conquistado e seguiremos sempre em frente! Não ao racismo! Não à Discriminação! Sim ao respeito! Sim à igualdade!”, disse.

  • Foto: Facebook/Rosário BezerraVereadora Rosário Bezerra comemora o Dia Nacional da Consciência NegraVereadora Rosário Bezerra comemora o Dia Nacional da Consciência Negra

A vereadora Rosário Bezerra também comentou a data e afirmou que este é um momento de lutar contra o racismo. “O Dia Nacional da Consciência Negra, comemorado hoje (20), é um momento para ratificarmos a importância de lutar contra o racismo. Viva a diversidade brasileira!”, comemorou.


Link do texto:

Vereadores comemoram Dia Nacional da Consciência Negra
http://www.gp1.com.br/noticias/vereadores-comemoram-dia-nacional-da-consciencia-negra-404684.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.