Piauí

Wellington vai autorizar licitação do projeto Piauí Conectado

Por meio do projeto será construído um cinturão de fibra ótica que passará de norte a sul do Piauí, interligando as unidades administrativas do estado.

Nesta terça-feria (01), o governador Wellington Dias assinará a autorização para publicação do edital de licitação do projeto Piauí Conectado. O edital tem por finalidade a contratação de parceria público-privada para a construção, operação e manutenção da infraestrutura de transporte de dados do Estado.

Por meio do projeto será construído um cinturão de fibra ótica que passará de norte a sul do Piauí, interligando as unidades administrativas do estado, melhorando significativamente a qualidade da internet usada nesses pontos.

A rede de fibra ótica também poderá ser explorada pela iniciativa privada que tenha interesse em prover internet em qualquer município piauiense. O Piauí Conectado passará por 96 cidades e os municípios restantes serão contemplados com tecnologia complementar como rádio e satélite.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Wellington Dias e o prefeito Magno SoaresWellington Dias

Realizado em parceria entre a Agência de Tecnologia da Informação do Piauí – ATI, a Superintendência de Parcerias e Concessões (SUPARC) e a Secretaria de Estado da Administração e Previdência, a obra receberá investimentos na ordem de R$ 302 milhões.

Através do Piauí Conectado será possível ofertar e melhorar a qualidade de diversos outros serviços destinados aos piauienses. É o caso do Ensino à Distância, do monitoramento dos espaços públicos com câmeras inteligentes conectadas à rede de fibra ótica do estado, a telemedicina, permitindo que exames do interior sejam enviados a uma Central de Laudos em tempo hábil para que o resultado seja desenvolvido ao hospital de onde o exame saiu em curto espaço de tempo, e ainda disponibilização de pontos de internet livre em diversos espaços públicos do estado como praças, bibliotecas e parques.

Mais conteúdo sobre: