Política

Wellington veta projeto de Robert Rios sobre estágio renumerado

Para o veto o governador afirmou que  proposta de Robert Rios é inconstitucional, “em razão do vício formal evidenciado e amparado no princípio constitucional da separação dos poderes”.

BÁRBARA RODRIGUES

- atualizado

O governador Wellington Dias (PT) decidiu vetar totalmente o projeto de lei de autoria do deputado estadual Robert Rios (PDT) que determinava a obrigatoriedade da realização deprocesso seletivo para contratação de estágio renumerado na Administração Pública Estadual.

Para o veto o governador afirmou que proposta de Robert Rios é inconstitucional, “em razão do vício formal evidenciado e amparado no princípio constitucional da separação dos poderes”. Em sua justificativa encaminhada para a Assembleia Legislativa, o governador afirmou que o legislativo não pode decidir como o executivo fará a seleção de seu pessoal.

  • Foto: Thais Guimarães/GP1Wellington DiasWellington Dias

“A proposição normativa em apreço apresenta-se inconstitucional por vício de validade formal quanto à deflagração do processo legislativo, uma vez que invade a iniciativa de lei privativa dos poderes e órgãos constitucionais citados alhures”, afirmou.

O projeto de Robert Rios determinava que o processo de seleção que deveria ser divulgado em um prazo de dez dias úteis e seria expedido certificados de Conclusão de Estágio aos estudantes que estagiarem por no mínimo 12 meses consecutivos de efetivo desenvolvimento das atividades, fornecido pelo órgão tomador do estágio.

MAIS NA WEB