Caso Bernardo: advogado de madrasta possui ligações com o Piauí

- atualizado

O advogado Vanderlei Pompeo de Mattos, que faz a defesa de Graciele Uguline, acusada de matar o garoto Bernardo Boldrini, num dos crimes de maior repercussão no Brasil, possui estreitas ligações com o Piauí.

Pompeozinho, como é mais conhecido, possui terras localizadas em Pedrinhas, Serra da Fortaleza, em Santa Filomena, a quarta cidade de maior produção de soja no estado.

  • Foto: Facebook/Vanderlei Pompeo de MattosVanderlei Pompeo de MattosVanderlei Pompeo de Mattos

Presa desde 2014, Graciele Uguline, madrasta de Bernardo, é acusada de homicídio com quatro qualificadoras (motivo torpe, fútil, com emprego de veneno e mediante dissimulação). Caso seja condenada poderá pegar de 12 a 20 anos de cadeia.

O resultado do julgamento, que ocorre na Comarca de Três Passos/RS, será conhecido no final da tarde desta sexta-feira (15).

Mais conteúdo sobre:
Voltar para a home

Todo conteúdo, imagem e/ou opiniões constantes aqui neste espaço são de responsabilidade civil e penal exclusiva do colunista. O material aqui divulgado não mantém qualquer relação com a opinião editorial do GP1.

Sobre o autor

Herbert Sousa é jornalista. Contato: (86) 9 8806-8907 / (86) 9 9436-9811