Ciro Nogueira: "A vida pública exige transparência e coerência"

  • Foto: Lucas Dias/GP1Senador Ciro Nogueira em solenidade na APPMSenador Ciro Nogueira

Por Ciro Nogueira

Durante a campanha eleitoral, tive a oportunidade de percorrer, mais uma vez, cada palmo deste estado. Estive em bairros de Teresina e também visitei localidades muito distantes dos centros urbanos, fui acolhido em vários lares e dividi sonhos com os meus irmãos piauienses.

Em uma dessas visitas, conheci o seu Levi Negreiros e a dona Eldina, na região São Raimundo Nonato, que há décadas sofriam com a falta de água, e conferi de perto a alegria daquelas famílias beneficiadas com o funcionamento da adutora que ajudei a levar para lá. Esse momento me marcou bastante e fortaleceu em mim o sonho de universalizar o acesso à agua tratada no meu querido Piauí.

Relembrei minha caminhada e a luta pela perfuração de poços e ativação de adutoras, com visitas constantes aos ministérios e órgãos federais. Não poupei esforços para atender o anseio dos que sofrem sem água no semiárido piauiense.

Mas o nosso estado continua com grandes desafios, tais como alavancar a produção de energia limpa e fortalecer a infraestrutura para atrair investimentos e gerar emprego e renda para nossa gente. Eu tenho a honrosa missão de buscar a realização dessas e de outras metas que melhorem as condições de vida nos municípios, missão renovada pela expressiva votação que recebi em 7 de outubro passado.

Quase 900 mil eleitores manifestaram a sua confiança em mim e eu ofereço, em contrapartida, além de muito trabalho, uma atuação parlamentar voltada para a manutenção das conquistas estabelecidas e da garantia dos direitos individuais, da liberdade de expressão e da liberdade de empreender. Colocar o Piauí nas agendas públicas e influenciar na captação de benefícios que possam chegar aos verdadeiros necessitados serão, sem dúvida, minhas prioridades.

Costumo dizer que o senador do Nordeste tem muito mais desafios que os do Sul ou do Sudeste, no que se refere a obter recursos federais e inclusão de seu estado em programas do governo federal, por exemplo. Temos mais carências, temos mais trabalho.

A vida pública exige clareza, transparência e coerência, elementos que norteiam minhas ações e que não perderei de vista. Convido a todos para assumir comigo esse novo mandato que se inicia, dizendo “sim” ao desafio de contribuir para a consolidação de um Piauí cada vez melhor.

Mais conteúdo sobre:
Voltar para a home

Todo conteúdo, imagem e/ou opiniões constantes aqui neste espaço são de responsabilidade civil e penal exclusiva do colunista. O material aqui divulgado não mantém qualquer relação com a opinião editorial do GP1.

Sobre o autor

Este blog é sobre a opinião do leitor