Delegado Geral manda investigar administrador do grupo Xico Prime

- atualizado

O delegado geral de Polícia Civil Luccy Keiko Leal Paraíba determinou a instauração de inquérito policial para investigar o administrador do grupo de WhatsApp Xico Prime, Marciano Valério Antão Arrais, ferrenho crítico do prefeito Firmino Filho.

Luccy Keiko atendeu pedido formulado na representação criminal feita pelo prefeito.

Portaria designando, em caráter especial, o Delegado de Repressão aos Crimes de Informática para apuração criminal dos fatos narrados foi publicada no Diário Oficial, edição de 07 de janeiro de 2019.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Firmino Filho, Prefeito de TeresinaFirmino Filho, prefeito de Teresina

Enquanto isso, não se tem notícias da instauração dos inquéritos policiais determinados pelo procurador-geral de Justiça Cleandro Moura para investigar as relações, nada republicanas, do prefeito Firmino Filho e o empresário Venilson de Oliveira Rocha e também com o Instituto Curitiba de Informática.

Nenhuma portaria de instauração de inquérito foi publicada, até a presente data, nesse sentido.

No próximo mês de março, a determinação do procurador faz aniversário de ano.

Veja abaixo a portaria:

  • Foto: Diário OficialPortaria foi assinada no dia 7 de janeiroPortaria foi assinada no dia 7 de janeiro

Voltar para a home

Todo conteúdo, imagem e/ou opiniões constantes aqui neste espaço são de responsabilidade civil e penal exclusiva do colunista. O material aqui divulgado não mantém qualquer relação com a opinião editorial do GP1.

Sobre o autor

Herbert Sousa é jornalista. Contato: (86) 9 8806-8907 / (86) 9 9436-9811