União Federal quer que Justiça aumente pena do prefeito Osvaldo Bonfim

- atualizado

A União Federal ingressou com recurso de apelação para aumentar a condenação do prefeito de Nazária, Osvaldo Bonfim de Carvalho, condenado pela Justiça Federal à suspensão dos direitos políticos, ressarcimento do dano causado a União Federal no valor de R$ 93.200,00 (noventa e três mil e duzentos reais), e multa civil no valor de R$ 100.000,00 (cem mil reais), dentre outras.

De acordo com a denúncia do MPF, Osvaldo Bonfim de Carvalho autorizou o pagamento antes do recebimento dos equipamentos no valor de R$ 326.776,96 (trezentos e vinte e seis mil, setecentos e setenta e seis reais e noventa e seis centavos) a Bioquímica Distribuidora de Medicamentos Ltda e R$ 485.000,00 (quatrocentos e oitenta e cinco mil reais) ao Grupo Empresarial Gerafarma Distribuidora e Representação Ltda, totalizando R$ 811.776,96 (oitocentos e onze mil, setecentos e setenta e seis reais e noventa e seis centavos).

  • Foto: Bárbara Rodrigues/GP1Osvaldo Bonfim, prefeito de Nazária Osvaldo Bonfim, prefeito de Nazária

Apenas um equipamento foi entregue e o MPF encontrou indícios de superfaturamento na ordem de 130%.

Osvaldo Bonfim foi notificado para apresentar contrarrazões ao recurso no prazo de 15 dias, após, os autos serão remetidos ao Tribunal Regional Federal da 1 ª região.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Prefeito Osvaldo Bonfim tem direitos políticos suspensos por 5 anos

MP alerta Osvaldo Bonfim sobre irregularidades em ônibus escolares

Prefeito Osvaldo Bonfim pode ter direitos políticos suspensos

Mais conteúdo sobre:
Voltar para a home

Todo conteúdo, imagem e/ou opiniões constantes aqui neste espaço são de responsabilidade civil e penal exclusiva do colunista. O material aqui divulgado não mantém qualquer relação com a opinião editorial do GP1.

Sobre o autor

Herbert Sousa é jornalista. Contato: (86) 9 8806-8907 / (86) 9 9436-9811