GP1

Coronavírus no Piauí

Detentos recebem doações de igreja durante pandemia no Piauí

Mais de 40.000 produtos já foram doados, nas unidades de Teresina, Floriano, Oeiras, Parnaíba e Altos.

Nesse período de suspensão das visitas presenciais nas unidades prisionais do estado, em virtude da pandemia de coronavírus, uma ação entre a Secretaria de Estado da Justiça, a Igreja Universal do Reino de Deus e os familiares tem beneficiado os internos nos presídios do Piauí, com doações de produtos de higiene, limpeza, equipamentos de proteção individual e outros materiais.

Mais de 40.000 produtos já foram doados, nas unidades de Teresina, Floriano, Oeiras, Parnaíba e Altos. Para o gerente de Floriano, João Luiz Ferreira, o sentimento é de gratidão. “A parceria da Sejus com a Igreja Universal tem sido muito importante para o sistema penitenciário. Ações como essa acalmam os internos que, atualmente, por conta da prevenção ao coronavírus, não estão recebendo visitas presenciais”, disse.

A Penitenciária Regional de Oeiras recebeu, nesta semana, 80 kits de higiene pessoal para os internos. A Coordenadora de Humanização da unidade, Elivanda Borges, fala da importância da ação para os reeducandos. “Os internos recebem com muito carinho e felicidade em saber que temos instituições que colaboram com o sistema penitenciário. Eles se sentem assistidos”, contou.

Enquanto as visitas presenciais não retornam, as visitas virtuais estão ocorrendo em todas as unidades prisionais do Piauí. Através de um aplicativo de vídeochamada, detentos e familiares se comunicam e amenizam a saudade nesse período de pandemia.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.