GP1

Eleições 2022

Senadores propõem 2° turno com 3 candidatos à Presidência da República

O senador Marcelo Castro é um dos entusiastas da proposta e acredita que a PEC pode diluir a polarização.

Um grupo de senadores vai apresentar uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) propondo que nas eleições para presidente o segundo turno possa contar com três candidatos. Conforme o site O Antagonista, a ideia é do senador piauiense Marcelo Castro (MDB). A informação foi publicada nesta quinta-feira (9).

Em entrevista ao GP1 o senador não confirmou que a ideia teria partido dele, mas confirmou que teve uma reunião com senadores do Podemos onde essa ideia foi cogitada. Castro, no entanto, não será autor da PEC. “Foi uma reunião q tive com o podemos. Comentei essa possibilidade, mas não sou autor da PEC”, afirmou Marcelo Castro ao GP1.

Foto: Lucas Dias/GP1Marcelo Castro, Senador
Marcelo Castro, Senador

O senador afirmou que com a certeza de que três candidatos disputariam o segundo turno, seria maior o número de candidatos apresentando as propostas de seus partidos. “Teríamos muito mais candidatos no primeiro turno defendendo os programas de seus partidos”, continuou Castro.

Diluir a polarização

Ao site O Antagonista, Marcelo Castro afirmou que o objetivo da proposta é “diluir a polarização” política no país, sendo mais fácil a apresentação de uma terceira via. A posposta seria válida apenas para a eleição presidencial, mas ainda não foi apresentada pelos senadores.

“Eu acredito que muitas pessoas optam por votar no Lula não porque seja lulista, mas porque é tão anti-bolsonarista que vê no Lula a pessoa capaz de derrotar Bolsonaro, e vice-versa. Com três candidatos em um segundo turno, a chance de outros nomes aumentaria”, disse Marcelo Castro ao Antagonista.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.