GP1

Entretenimento

Irmã de Whindersson Nunes lança música em resposta a “Penhasco”

“Eu tive que me esconder. Fui deixando de ser. Mas hoje eu penso em mim", diz trecho da música.

Hagda Kerolayne, irmã de Whindersson Nunes, lançou nesta sexta-feira (17), seu primeiro single "Melhor Assim", em resposta a música “Penhasco”, de Luísa Sonza, ex-mulher do irmão.

“Eu tive que me esconder. Fui deixando de ser. Mas hoje eu penso em mim. Tô bem melhor assim”, diz parte da música, como se fosse uma resposta ao seguinte trecho da música Penhasco, de Luísa Sonza. “Eu tive que desaprender a gostar tanto de você. Porque cê faz assim? Não fala assim de mim”.

Foto: Reprodução/InstagramHagda Kerolayne
Hagda Kerolayne

Nas redes sociais, os fãs de Luísa acusaram Hagda Kerolayne de plágio. "E a irmã do Whindersson que lançou uma música e é a cópia descarada de Penhasco?”, disse um. “Não, meus amores, mas Melhor Assim, da irmã do Whindersson, é uma resposta sem disfarce pra Penhasco, tem que admitir, mano, tá na cara”, disse outro.

Hagna se pronunciou em seu Instagram, após as repercussões das críticas. “Acordei com várias ligações. Várias mensagens, gente, o que está acontecendo? Não estou entendendo. Como diria a filósofa Melody, “'fale bem, ou fale mal, mas fale de mim, eu não tenho culpa se vvocê não é feliz'”, disse.

Confira a letra da música na íntegra:

Senti que a dor era grande
E tentei ajudar
Quando eu peguei sua mão
Você não quis me olhar

E aqueles “Eu te amo”
Nunca estiveram nos planos
Que ficaram tão distantes
Ficou no passado e foi só um romance

Eu tive que me esconder
Fui deixando de ser
Mas hoje eu penso em mim
Tô bem melhor assim

Hoje eu não ligo

Agradeço a Deus porque você foi embora
Ele sabe o quanto eu queria um amor
Verdadeiro nessa história

Você sabe bem como eu sou
Não vem me falar de amor
É assim e ponto final
Porque tudo terminou

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.