GP1

Mundo

Empresário Elon Musk se torna o homem mais rico do mundo

Líder desde outubro de 2017, Jeff Bezos perde o posto após as ações da Tesla saltarem mais de 5%
Por Estadão Conteúdo

O empresário norte-americano Elon Musk ultrapassou Jeff Bezos, CEO da Amazon, (AMZO34) como o homem mais rico do mundo. Nesta quinta-feira (7), as ações da fabricante de veículos elétricos Tesla (TSLA34) saltaram 5,8%, cotados US$ 799, o que elevou a fortuna de Musk para mais de US$ 184 bilhões.

Desde quarta (6), os papéis da montadora ensaiavam um movimento de alta, com salto de 3% no fechamento do pregão, reduzindo a diferença entre os dois bilionários para US$ 3 bilhões, segundo informações do índice Bloomberg Billionaire Index.

Bezos, que ocupava a primeira posição desde outubro de 2017, possui um patrimônio de US$ 184 bilhões. Atualmente, ambos são rivais na corrida espacial privada. De um lado temos o dono da Tesla, com a companhia SpaceX e, do outro, o CEO da Amazon, com a Blue Origin LLC.

No acumulado de 2020, as ações da Tesla valorizaram mais de 743% devido aos lucros consistentes e pela inclusão no índice S&P 500. Com esse movimento, Musk, que detém cerca de 20% da montadora, viu seu patrimônio líquido crescer em mais de US$150 bilhões no ano passado.

Embora seja considerada a maior montadora de carros do mundo, a Tesla produz apenas uma fração do que as montadoras Ford e General Motors produzem. A empresa de carros elétricos produziu um pouco mais de meio milhão de veículos no ano passado, contra 2,5 milhões da GM.

Apesar da grande fortuna, Musk diz que não possui muito interesse em bens materiais. Em uma entrevista no mês passado para a Axel Springer, uma das maiores editoras digitais na Europa, o empresário afirmou que o propósito da sua fortuna é acelerar a evolução da humanidade para uma civilização espacial.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.