GP1

Mundo

Turquia recebe brasileiros com vacinação completa e teste negativo

O país aceita todos os imunizantes aplicados no Brasil e exige apresentação de código de saúde em hotéis.
Por Estadão Conteúdo

A Turquia está reaberta para brasileiros vacinados e aceita todos os imunizantes aplicados no Brasil: Coronavac, AstraZeneca, Pfizer e Janssen (dose única). Desde 15 de novembro, o país passou a receber viajantes do Brasil novamente. O uso de máscara é obrigatório em todo o território turco. Além de Istambul, Capadócia é um dos destinos mais visitados pelos brasileiros, para fazer o clássico voo de balão.

Quem viaja do Brasil para a Turquia tem de apresentar um exame PCR negativo feito 72 horas antes do embarque, provar que está 100% vacinado e mostrar que a segunda dose ou a única foi tomada no mínimo 14 dias antes.

O viajante também tem de preencher uma declaração de saúde online. Isso irá gerar o código HES, exigido na entrada em vários estabelecimentos turcos. No desembarque na Turquia, viajantes são escolhidos aleatoriamente para serem testados. Esse código é pedido para a entrada em hotéis e shoppings e o uso de transporte público com o Istabulkart.

Para quem está na Turquia com um celular com chip habilitado para lá, também é possível conseguir o código mandando uma mensagem para o número 2023 com este formato: HES [espaço] código de sua nacionalidade BRA [espaço] número do passaporte [espaço] ano de nascimento [espaço] sobrenome.

Menores de 12 anos não precisam comprovar vacinação tampouco fazer exame. De 12 a 18 anos, se não puderem provar a imunização, podem entrar na Turquia, caso estejam acompanhados pelos pais e apresentem exame PCR negativo realizado em até 72 horas. Leia mais detalhes sobre as regras de entrada na Turquia no site do Consulado Brasileiro em Istambul.

Voos para a Turquia a partir do Brasil

Os voos entre São Paulo e Istambul pela Turkish Airlines vêm sendo retomados progressivamente. No momento, a companhia está com seis frequências semanais, sendo que o avião faz a conexão entre São Paulo e Buenos Aires em três dias da semana.

A previsão é que, no fim da temporada de inverno na Europa, o voo passe a ser diário, por volta do fim de abril. A meta da empresa é retornar às dez frequências semanais que mantinha antes da pandemia.

Centro Cultural Atatürk em Istambul

O Centro Cultural Atatürk de Istambul foi reaberto no fim de outubro deste ano, com uma arquitetura contemporânea, após uma reforma de dois anos. Conhecido como Atatürk Kültür Merkezi (ou AKM) pelos moradores da cidade, é uma das mais importantes estruturas da Rota da Cultura de Beyoğlu, projeto do Ministério da Cultura e Turismo do país. O Centro Cultural Atatürk é a casa de instituições como o Coro Presidencial de Música Clássica Turca, a Ópera e o Balé de Istambul e a Orquestra Sinfônica de Istambul.

O AKM conta com um espaço para ópera de 49 mil m² e 2.040 lugares, um teatro de 16,3 mil m² e 802 lugares, uma galeria de 410 m² e um salão multifuncional, além de centro de arte para crianças, estúdio de gravação musical e biblioteca especializada em música, arte, arquitetura e design. Tem também cinema, salas de ensaio e de estudo, restaurantes, cafés e livrarias.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.