Teresina - PI

Abertas inscrições para preparatório do Enem com 3.500 vagas

As aulas iniciam no dia 14 de outubro e acontecerão de segunda a sexta-feira na modalidade ensino à distância, sendo transmitidas por meio de plataforma on-line criada especificamente para o programa.

Por  Estadão Conteúdo

O programa Universidade ao Alcance de Todos (Unitodos) está com inscrições abertas até o dia 31 de outubro para os estudantes interessados em se preparar para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio - Enem. Oferecido pela Prefeitura de Teresina, através da Secretaria Municipal de Juventude (Semjuv), o programa está ofertando 3.500 vagas, distribuídas em 35 polos do programa, espalhados nas quatro zonas de Teresina.

As aulas iniciam no dia 14 de outubro e acontecerão de segunda a sexta-feira na modalidade ensino à distância, sendo transmitidas por meio de plataforma on-line criada especificamente para o programa. As aulas poderão ser acessadas por celular, tablet, computador e TV. A coordenação do programa optou pela modalidade à distância para cumprir com as medidas de distanciamento social necessárias devido à pandemia do novo coronavírus.

“As aulas acontecerão no turno da noite, mas ficarão disponíveis para que o aluno possa fazer seu horário de estudo e possa ter acesso às aulas no momento em que ele tem maior disponibilidade”, disse o secretário municipal da Juventude, Lucas Fortes Carvalho.

O público-alvo do programa são alunos que já concluíram ou estão concluindo o ensino médio, preferencialmente em escolas públicas. Para se inscrever, os interessados deverão comparecer a um dos 35 polos de referência, com cópia do RG, CPF, comprovante de endereço, inscrição do Enem e declaração ou certificado que concluiu ou está concluindo o ensino médio.

As aulas do Programa Unitodos são ministradas por professores qualificados e com experiência na preparação para o Enem. Os alunos terão acesso ao material de forma gratuita, com realização de simulados, revisões e mostra de profissões. “Vamos manter todas as atividades já ofertadas em anos anteriores, este ano de forma on-line, para que os alunos não saiam prejudicados”, garantiu o secretário.

Mais conteúdo sobre: