Timon - MA

Acusado de atear fogo em ex-companheira é preso em Timon

Conforme a Polícia Civil, o indivíduo também já respondeu por tráfico de drogas e furto.

Laura Moura
Teresina
- atualizado

Policiais Civis do Maranhão prenderam Moisés Santos Gomes, de 31 anos, em cumprimento a mandado de prisão em desfavor dele por tentativa de feminicídio cometido contra a ex-companheira. O indivíduo foi preso na manhã desta quinta-feira (04), no bairro Parque Piauí I do município de Timon.

  • Foto: Divulgação/Polícia CivilMoisés Santos GomesMoisés Santos Gomes

O delegado Cláudio Mendes, da Polícia Civil de Timon, explicou que o crime aconteceu no bairro Sucupira no ano de 2008. O acusado ateou fogo contra a ex-companheira que chegou a ficar com diversas queimaduras pelo corpo.

O delegado também revelou que na época do crime cometido, o indivíduo chegou a ser autuado em flagrante e permaneceu preso por nove meses. O acusado que foi sentenciado e deverá cumprir a pena de quatro anos e oito meses. Além disso, Moisés Santos também já foi preso por tráfico de drogas e furto.