Teresina - PI

Acusado de homicídio é preso pela Força Tarefa no Planalto Uruguai

Na manhã de hoje, ao perceber a aproximação dos policiais da Força Tarefa, ele empreendeu fuga pulando muros de várias residências, mas foi capturado por volta das 10h30.

Nathalia Carvalho
Teresina
Brunno Suênio
Teresina
- atualizado

A Força Tarefa da Secretaria de Segurança Pública deu cumprimento, na manhã desta quinta-feira (24) no Planalto Uruguai, zona leste da capital, a um mandado de prisão em desfavor de Thiago Santiago Gomes, de 33 anos, acusado de homicídio.

Em entrevista ao GP1, o investigador Hilton Barbosa, da Força Tarefa, contou que o homicídio aconteceu no ano de 2017. Thiago já era procurado e tem histórico de resistir à prisão. Na manhã de hoje, ao perceber a aproximação dos policiais da Força Tarefa, ele empreendeu fuga pulando muros de várias residências, mas foi capturado por volta das 10h30.

  • Foto: Alef Leão/ GP1Subcomandante Hilton Barbosa Subcomandante Hilton Barbosa

“Pesa contra o Thiago um homicídio cometido em 2017. Recebemos essa incumbência de prender esse indivíduo por meio de mandado de prisão. Ele não se entrega para a polícia fácil, sempre corre, e hoje mais uma vez fizemos uma perseguição dele no Planalto Uruguai, ele pulou muros, mas nossa equipe foi mais eficiente e conseguiu efetuar a prisão e conduzi-lo até a sede do 3º Distrito Policial", informou Hilton Barbosa.

  • Foto: Alef Leão/ GP1Força Tarefa realiza prisão de homem acusado de homicídio em TeresinaForça Tarefa realiza prisão de homem acusado de homicídio em Teresina

Ainda segundo o investigador, Thiago possui uma lista extensa de crimes. Ele é suspeito de ter esfaqueado e matado um homem há cerca de 17 dias no bairro Frei Damião, zona sudeste de Teresina.

“Ele é um indivíduo perigoso, tem uma lista extensa de crimes e segundo os informes há 17 dias ele esfaqueou uma pessoa no Frei Damião, que veio a óbito. Estamos entrando em contato com o Departamento de Homicídios para confirmar”, finalizou Hilton Barbosa.

Thiago Santiago Gomes foi encaminhado para a Central de Flagrantes de Teresina, onde aguarda os trâmites processuais para ser encaminhado a uma unidade prisional.