Fortaleza - CE

Advogado piauiense Fernando Bacellar morre aos 77 anos em Fortaleza

Natural de Parnaíba, Dr. Bacellar, como era conhecido, já residia na capital do Ceará há alguns anos. A causa da morte não foi informada pelos familiares.

Thais Guimarães
Teresina
- atualizado

Morreu na tarde desta quarta-feira (07) em Fortaleza, o advogado piauiense Fernando Antônio de Brito Bacellar, aos 77 anos. Natural de Parnaíba, Dr. Bacellar, como era conhecido, já residia na capital do Ceará há alguns anos. A causa da morte não foi informada pelos familiares.

O advogado era filho do conceituado farmacêutico Raul Furtado Bacellar. Graduado em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal do Ceará na década de 1960, atuou em vários estados do Brasil e no exterior, com especialização em Direito Empresarial. Dr. Bacellar possuía cursos de pós-graduação nos Estados Unidos, França, Alemanha, Inglaterra, Israel e Portugal.

  • Foto: Divulgação/WhatsAppFernando BacellarFernando Bacellar

O advogado ajudou a trazer para Parnaíba o sinal da TV Ceará, e foi presidente da Fundação Dr. Raul Furtado Bacellar, também em Parnaíba, entidade sem fins lucrativos com atividades voltadas para a educação, cultura, preservação do meio ambiente e do patrimônio histórico-arquitetônico.

Na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Seccional Ceará, o advogado parnaibano ajudou a criar a primeira Escola de Advocacia da entidade, tornando-se seu primeiro diretor.

O corpo do advogado Fernando Bacellar foi cremado. Ele deixou viúva a senhora Francilene Andrade Bacellar, três irmãos e sobrinhos.

Mais conteúdo sobre: