Santa Cruz do Piauí - PI

Barroso Neto diz que denúncia ao TCE é "inconformismo político"

“Vamos nos manifestar nos autos para esclarecer essa denúncia. No momento adequado vamos oferecer todas as respostas", afirmou.

BÁRBARA RODRIGUES
DE TERESINA
- atualizado

Em direito de resposta, o prefeito de Santa Cruz do Piauí, Barroso Neto, afirmou que a denúncia do Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais, por meio do seu presidente Gabriel José Ferreira Neto, contra a sua gestão, se trata de “inconformismo político”. A denúncia foi protocolada no Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) e o prefeito afirmou ao GP1 que não existe qualquer irregularidade nas contratações realizadas na sua gestão.

“Essa denúncia é infundada. Nada do que disseram condiz com a realidade. Todas as nomeações são legais, previstas no organograma da prefeitura. Isso não passa de um jogo de denúncias de pessoas que estão descontentes e que não aceitam o nosso mandato, porque ganhamos a eleição. É sempre o mesmo grupo que faz essas denúncias, não aceitam a nossa vitória, mas estamos tranquilos. O que está acontecendo é inconformismo político”, disse o prefeito.

  • Foto: Facebook/Barroso NetoPrefeito eleito de Santa Cruz do Piauí, Barroso NetoPrefeito eleito de Santa Cruz do Piauí, Barroso Neto

Ele ainda destacou que quando for citado irá se manifestar sobre o processo. “Vamos nos manifestar nos autos para esclarecer essa denúncia. No momento adequado vamos oferecer todas as respostas. Isso não passa de inconformismo eleitoral, a população está satisfeita com a nossa gestão e quero só reafirmar que não tem irregularidade, que as pessoas não precisam ficar preocupadas. Não vai ser uma denúncia de meia dúzia de pessoas inconformadas que vai atrapalhar o andamento da nossa gestão”, destacou.

Barroso Neto afirmou que o presidente do sindicato é ligado ao grupo político que derrotou e por isso tem feito denúncias. “O Gabriel José Ferreira é professor do município e criou o sindicato com apoio da outra gestão, que agora é oposição. Teve várias irregularidades na outra gestão e nunca o sindicato se prontificou a defender os direitos da população. Estão se manifestando agora somente por questão política, não tem nada de ilegal no que estamos fazendo”, afirmou.

O prefeito defendeu a sua gestão, destacando que “mesmo com esse momento que estamos passando, que há uma crise no país, apesar do nosso município ser pobre, estamos vivendo um momento de grande aprovação da população e estamos mostrando a eficácia da nossa gestão. Quero tranquilizar a nossa população, pois estamos comprometidos. Eles [grupo da oposição] estão incomodados com os que estamos promovendo no município em várias áreas, na educação, na saúde, com distribuição de medicamentos, com exames sendo feitos, na área da assistência social. Estamos reformando o estádio municipal com recursos próprios, são muitas melhorias e eles não aceitam o que estamos fazendo”, finalizou.