Piauí

Centro municipal de fisioterapia dobra atendimento a pacientes em Esperantina

O centro tem todos os aparelhos e equipamentos necessários para um bom tratamento inclusive 01 Prancha Ortostática que é usado por cadeirante que não consegue ficar de pé .

DA REDAÇÃO

Reinaugurado na atual gestão, em setembro de 2011 o Centro Municipal de Fisioterapia de Esperantina tem mudado a realidade da sociedade esperantinense. Segundo o médico Marcos Gerôncio, fisioterapeuta e responsável técnico pelo centro os quadros mais tratados na unidade são paralisia cerebral, dor na coluna, artroses no joelho e traumas de acidentes, algumas pessoas têm grande dificuldade para voltar ao convívio social após um trauma.

"As pessoas tendem a se desvalorizarem. Elas enxergam somente o defeito que ficou após,um acidente ou derrame e esquecem que existem muitas coisas boas dentro de si”, salienta o fisioterapeuto Gerôncio que afirmou ainda que “Às vezes tratamos de um paciente que sequer consegue ficar sentado e, em dois ou três meses esse paciente está sentando”.

Imagem: Divulgação/GP1Centro de Fisioterapia de Esperantina(Imagem:Divulgação/GP1)Centro de Fisioterapia de Esperantina
O centro tem  todos os aparelhos e equipamentos necessários para um bom tratamento inclusive 01 Prancha Ortostática que é usado por cadeirante que não consegue ficar de pé (paraplégico e tetraplégico). Atualmente 3 pessoas na cidade fazem o uso deste aparelho e já tem obtidos bons resultados.

O prefeito Chico Antonio esteve reunido com toda a equipe juntamente com o secretário de saúde Santa e autorizou os servidores a atenderem no segundo turno, portanto os pacientes terão mais uma oportunidade de serem atendidos pela equipe coordenada pelo fisioterapeuta Gerôncio.
Imagem: Divulgação/GP1Centro de Fisioterapia de Esperantina(Imagem:Divulgação/GP1)Centro de Fisioterapia de Esperantina

O prefeito Chico Antonio durante a visita ao centro de fisioterapia elogiou o trabalho desenvolvido por toda equipe que vem atendendo de forma carinhosa os pacientes e em acordo com os mesmos e a secretaria de saúde passou a ter dois turnos de atendimento a população.

O fisioterapeuta Gerôncio afirmou que é grande o número de pessoas que são atendidos diariamente no centro e com dois turnos iria dobrar a oferta de vagas, lembrou que vários procedimentos a domicílio são realizados em pacientes coisa que nunca existiu no município.

Mais conteúdo sobre: