Eleições 2018

Confira as propostas dos candidatos à presidência da República

O GP1 divulga os planos de governo dos cinco candidatos presidenciáveis que estão mais bem posicionados nas últimas pesquisas divulgadas.

Bárbara Rodrigues
Teresina
- atualizado

Nas eleições que ocorrem neste domingo (7), os eleitores vão ter que votar em um dos 13 candidatos à presidência da República. Todos eles apresentaram planos de governo com diretrizes e metas, caso sejam eleitos.

Para a Presidência da República estão concorrendo: Ciro Gomes (PDT), Fernando Haddad (PT), Jair Bolsonaro (PSL), Geraldo Alckmin (PSD), Marina Silva (Rede), João Amoêdo (Novo), Henrique Meirelles (MDB), Alvaro Dias (Podemos), Guilherme Boulos (PSOL), Vera Lúcia (PSTU), João Goulart Filho (PPL), Cabo Daciolo (Patri) e Eymael (DC).

O GP1 divulga os planos de governo dos cinco candidatos presidenciáveis que estão mais bem posicionados nas últimas pesquisas divulgadas. Quem tiver interesse em saber as propostas de todos os candidatos, pode conferir através do site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Confira alguns planos de governo:

Ciro Gomes

A vice do candidato é Kátia Abreu (PDT). No seu plano de governo, o candidato Ciro Gomes foca na recuperação da economia do país, com aumento da renda e emprego. Ele defende a redução do Imposto de Renda para pessoa jurídica, isenção de tributos de bens de capital, redefinição de ministérios, eliminar o analfabetismo escolar, elevar a média de estudo da população, reforço do programa Minha Casa e Minha Vida, entre outras propostas.

“É importante que tenhamos coragem para ser feito o que é necessário: priorizar quem trabalha e produz, buscando a geração de empregos e a melhoria das condições de vida dos menos favorecidos, e defender a soberania e os interesses brasileiros. Vamos propor políticas e oportunidades para criar e manter empregos para uma população em idade de trabalhar, que chegou a 169 milhões de pessoas em junho deste ano”, afirmou o presidenciável no seu plano de governo.

Confira o plano de governo completo:

Geraldo Alckmin

Ele possui como vice Ana Amélia (PP). Geraldo Alkmin afirmou que pretende livrar o país da corrupção e oferecer mais igualdade de oportunidades. Entre as propostas está a redução de ministérios e cargos públicos, garantir a segurança jurídica por meio da desburocratização de processos, criar e desenvolver o ‘Projeto Cidadão’ com menos regras, menos certidões, mais confiança na idoneidade dos cidadãos e punição rigorosa para quem fraudar, além de fomentar ações voltadas à prevenção da gravidez precoce, digitalização de dados, a implantação de um cadastro único de todos os usuários do SUS, entre outras propostas.

“O Brasil precisa se livrar dos males da corrupção e do Estado ineficiente, que sorve dinheiro do povo por meio de impostos elevados e oferece serviços públicos de baixa qualidade. O Brasil precisa se tornar um país mais justo, onde a igualdade de oportunidades seja assegurada pela educação pública de qualidade e por programas sociais que assegurem uma vida digna aos mais vulneráveis. O Brasil precisa voltar a crescer, para que os brasileiros possam empreender, trabalhar, inovar, prosperar e criar suas famílias e negócios com segurança”, destacou o candidato.

Confira o plano de governo completo:

Fernando Haddad

A candidata a vice é Manuela D’Ávila (PCdoB). Entre as suas propostas, Fernando Haddad afirmou que irá implantar o programa “Meu Emprego Novo”, ampliar esforço de reindustrialização, diversificar as matrizes produtivas e energéticas, reforma tributária, reforma política com participação popular, reforma do sistema de Justiça, parceria com estados e municípios, criar a rede de Clínicas de Especialidades Médicas, entre outras propostas.

“Defendemos também um projeto nacional de desenvolvimento que enfrente a crise social e econômica que massacra nosso povo e um novo período histórico de afirmação de direitos dos trabalhadores das cidades, dos campos e das florestas, das mulheres, das juventudes, de negros, negras, indígenas, LGBTIs, espalhados pelas várias regiões desse país tão rico em diversidade”, destacou Haddad.

Confira o plano de governo completo:

Jair Bolsonaro

O vice dele é o general Mourão (PRTB). Entre as suas propostas está o orçamento base zero, investir em equipamentos de segurança pública, credenciamento universal dos médicos, universidades incentivando o empreendedorismo, reduzir maioridade penal para 16 anos, simplificação e unificação de tributos federais, entre outras propostas.

“Propomos um governo decente, diferente de tudo aquilo que nos jogou em uma crise ética, moral e fiscal. Um governo sem toma lá-dá-cá, sem acordos espúrios. Um governo formado por pessoas que tenham compromisso com o Brasil e com os brasileiros. Que atenda aos anseios dos cidadãos e trabalhe pelo que realmente faz a diferença na vida de todos”, disse o candidato.

Confira o plano de governo completo:

Marina Silva

A candidata tem como vice Eduardo Jorge (PV). No seu plano de governo ela coloca a Educação como base para o desenvolvimento, se for eleita. Ela afirmou que dará continuidade às políticas de implementação da Base Nacional Comum Curricular, que pretende reduzir o atraso escolar e zerar a distorção idade/série, defende a reforma da Previdência, reforma do Imposto Territorial Rural, nova geração de políticas e programas voltados à questão agrária, geração de empregos, entre outras propostas.

Entre as propostas relacionadas a Saúde, ela informou que pretende “revolucionar a atual forma de gestão fragmentada e pulverizada substituindo-a por uma gestão integrada, participativa e verdadeiramente nacional. Para tanto, dividiremos o país em cerca de 400 regiões de saúde. A gestão será compartilhada entre a União, Estados e Municípios e envolverá as entidades filantrópicas e serviços privados. Representantes eleitos pela população dos municípios da região terão mandatos para participar da gestão”.

Confira o plano de governo completo:

MAIS LIDAS