Eleições 2020

Conheça os prefeitos eleitos no primeiro turno nas capitais do Brasil

Neste domingo, 15 de outubro, sete das 26 capitais brasileiras elegeram seus prefeitos que ficarão no poder pelos próximos quatro anos.

Thais Guimarães
Teresina
- atualizado

Neste domingo, 15 de outubro, sete das 26 capitais brasileiras elegeram seus prefeitos que ficarão no poder pelos próximos quatro anos. Outras 18 terão segundo turno, que acontecerá daqui a duas semanas, no dia 29 de novembro. Macapá não teve votação por conta do apagão que atingiu o estado do Amapá.

As capitais que já escolheram seu prefeito foram Belo Horizonte (MG), Campo Grande (MS), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Natal (RN), Palmas (TO), e Salvador (BA).

Assim, as 18 capitais que vão definir somente no segundo turno são: Aracaju (SE), Belém (PA), Boa Vista (RR), Cuiabá (MT), Fortaleza (CE), Goiânia (GO), João Pessoa (PB), Maceió (AL), Manaus (AM), Porto Alegre (RS), Porto Velho (RO), Recife (PE), Rio Branco (AC), Rio de Janeiro (RJ), São Luís (MA), São Paulo (SP), Teresina (PI), e Vitória (ES).

Dentre os sete prefeitos eleitos em primeiro turno, seis já ocupavam o cargo e foram reeleitos.

Veja os prefeitos eleitos em primeiro turno nas capitais brasileiras:

Belo Horizonte: o atual prefeito, Alexandre Kalil (PSD), foi reeleito.

Campo Grande: o atual prefeito, Marquinhos Trad (PSD), foi reeleito.

Curitiba: o atual prefeito, Rafael Greca (DEM), foi reeleito.

Florianópolis: Gean Loureiro (DEM), atual prefeito, foi reeleito.

Natal: Álvaro Dias (PSDB), atual prefeito, foi reeleito.

Palmas: a atual prefeita, Cinthia Ribeiro (PSDB), foi reeleita. A capital do Tocantins era a única do país com menos de 200 mil eleitores – e, por isso, não poderia ter segundo turno.

Salvador: Bruno Reis (DEM) foi eleito em primeiro turno com cerca de 64% dos votos.

Mais conteúdo sobre: