Teresina - PI

Corpo do capitão Anderson é velado na zona sul de Teresina

O enterro está marcado para acontecer nesta sexta-feira (02), às 9h no Cemitério São José, zona norte de Teresina.

Wanessa Gommes
Teresina
Nayrana Meireles
Teresina
- atualizado

Acontece durante toda a noite desta quinta-feira (01) e madrugada de sexta (02), o velório do capitão Anderson, morto em acidente de carro, na BR 343, em Piracuruca, nesta manhã. O velório está sendo realizado na Funerária Lótus, localizada na Avenida Miguel Rosa, zona sul de Teresina.

No local, familiares, amigos e companheiros do Corpo de Bombeiros do Piauí estão visivelmente emocionados e ainda incrédulos com a morte repentina do capitão.

Ao GP1, o advogado da Associação do Corpo de Bombeiros do Piauí, Otoniel Bisneto, falou sobre a relação de amizade com o capitão. “A gente tinha um grau de amizade e de proximidade grande. Tive a oportunidade de conviver com ele, fui instrutor dele durante o curso de soldado e nos separamos, cada um seguiu seu rumo e logo depois encontrei com ele já na condição de oficial. Ele, já militante na associação, sempre na defesa da categoria bombeiro e policial, dos servidores militares e eu ainda na condição de oficial da ativa”, lembrou.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Velório do capitão AndersonVelório do capitão Anderson

“Depois fui para a reserva, comecei a advogar e tive a oportunidade de trabalhar lado a lado com ele em causas diversas, atuando do lado dele nessa linha de frente da defesa”, completou.

Emocionado, Otoniel destacou as qualidades do amigo, que faleceu aos 44 anos. “Falar do Anderson não é muito difícil, é fácil. Um cara muito inteligente, raciocínio extremamente rápido, perspicaz, mas também um cidadão audaz, capaz de enfrentar qualquer situação em nome dos servidores militares”.

“Hoje, não está de luto somente a família do Anderson, mas está de luto toda uma categoria que sente o peso da ausência de um homem de fibra, um homem de valor, com vários atributos morais e intelectuais que nos deixa um legado e um exemplo de batalha”, ressaltou.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Otoniel BisnetoOtoniel Bisneto

Recentemente na política, capitão Anderson atualmente era presidente do PSL de Teresina e tinha planos concorrer à Câmara Municipal de Teresina, em 2020. Para Otoniel, Anderson seria ele mesmo, sem máscaras.

“Pretendia enveredar pela política para fazer o diferencial, não apenas por uma questão circunstancial ou aparente, mas o Anderson político seria o mesmo Anderson pessoa, o mesmo Anderson oficial, ele não tinha máscaras, era um cidadão íntegro, um sujeito reto, honesto, um líder nato, um homem de valor que conseguia impor seus pensamentos. Um homem capaz de defender aquilo que acreditava e principalmente a classe dos servidores militares do Piauí, que o perderam”, finalizou.

Wesley Demes, técnico jurídico da associação, que trabalhou diretamente com o capitão, contou que ele sempre cobrava o melhor de todos. “Foi excelente trabalhar com ele. Ele era uma pessoa difícil porque gostava das coisas bem feitas e sempre cobrava para que a gente fizesse o melhor. Ele era muito aguerrido. Era uma pessoa que quando se comprometia a fazer uma coisa ele fazia de tudo para alcançar o objetivo dele. Ele ia até o final, não media esforços, não media consequências para alcançar o objetivo, mas é claro, sempre pensando no coletivo”.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Wesley DemesWesley Demes

“O mais importante é que ele era muito humano, ele se preocupava principalmente com os mais simples. Ele era oficial, mas se preocupava com os praças, com as questões sociais, tanto que ele enveredou para o lado social, o da política”, asseverou.

Capitão Anderson era o único filho homem de quatro irmãos. Ele deixa mulher e uma filha que vai completar 2 anos em setembro. O enterro está marcado para acontecer nesta sexta-feira (02), às 9h no Cemitério São José, zona norte de Teresina.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Sepultamento do capitão Anderson acontece amanhã no Cemitério São José

Relembre encontro do capitão Anderson com Jair Bolsonaro em Teresina

Amigos lamentam morte do capitão Anderson em acidente na BR 343

Capitão Anderson morre em acidente de carro na BR 343