Altos - PI

Detento é morto a facadas em Hospital Penitenciário na cidade de Altos

Após o crime, a Polícia Civil de Altos foi acionada e conduziu o suspeito para a Central de Flagrantes de Teresina, onde passou por procedimentos cabíveis.

Davi Fernandes
Teresina
Brunno Suênio
Teresina
- atualizado

O detento identificado como Lucas Victor de Melo Silva, que respondia por crime de feminicídio, foi morto com facadas no pescoço por volta de 23h desta sexta-feira (12) na Unidade de Apoio Prisional, que é um Hospital Penitenciário, localizado no município de Altos.

O chefe de investigação do 14º Distrito Policial de Altos, Henrique Araújo, detalhou ao GP1 que o principal suspeito do crime foi outro detento, identificado como F. L. dos S. A motivação do assassinato ainda é desconhecida. Lucas Victor de Melo Silva respondia por feminicídio, em razão de ter assassinado sua ex-esposa a facadas no estado de Goiás, em agosto de 2017.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Agente Henrique AraújoChefe de investigação, Henrique Araújo

“Ontem por volta das 23 horas, F. L dos S. matou outro detento, de nome Lucas Victor de Melo Silva, dentro da Major César, no interior do Hospital Penitenciário. O detento que foi assassinado já respondia por feminicídio, onde ele havia matado a ex-mulher com vários golpes de faca no estado de Goiás", disse o chefe de investigação.

Após o crime ter sido realizado, a Polícia Civil de Altos foi acionada e conduziu o suspeito para a Central de Flagrantes de Teresina, onde passou por procedimentos cabíveis. No local, foi apreendida uma faca que pode ter sido utilizada para assassinar o detento.

Depois de ser comprovado o óbito do detendo, o Instituto Médico Legal de Teresina (IML) e a Perícia Criminal se dirigiram até a Major César, onde foram realizados os levantamentos iniciais sobre a dinâmica do crime e, em seguida, removeram o corpo de Lucas Victor.