Teresina - PI

DHPP faz buscas a acusados de latrocínio no povoado Santa Rita

As primeiras informações colhidas pelos investigadores dão conta que dois homens, suspeitos de participação no latrocínio, já haviam realizado outros assaltos na região do povoado Santa Teresa.

Brunno Suênio
Teresina
- atualizado

Os policiais do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa – DHPP – já iniciaram levantamentos sobre o latrocínio que vitimou Marcos Antônio Silva, na manhã desta quarta-feira (09) no povoado Santa Rita, zona rural de Teresina.

As primeiras informações colhidas pelos investigadores dão conta que dois homens, suspeitos de participação no latrocínio, já haviam realizado outros assaltos na região do povoado Santa Teresa, antes de abordar a filha da vítima no povoado Santa Rita, que correu para o interior do imóvel chamando pelo pai, que travou luta corporal com um dos bandidos e acabou sendo alvejado com um tiro no peito pelo comparsa.

“Tudo indica que eles utilizaram uma moto, modelo Factor, de cor preta. O passageiro, que utilizava uma camisa de cor vermelha desceu, o piloto estava com uma mochila xadrez e a moto estava falhando. Essas informações podem ajudar a população a reconhecer eles. Nós já começamos a receber alguns informes, que a gente precisa checar”, pontuou o delegado Walter Cunha, do DHPP.

De acordo com Walter Cunha, a investigação de seguimento será conduzida pelo delegado Danúbio Dias que vai tentar identificar uma possível vítima da dupla, antes do latrocínio, que possa ajudar na identificação dos homens, que empreenderam fuga em direção a Teresina.

NOTÍCIA RELACIONADA

Pai é morto ao tentar defender a filha durante assalto em Teresina

Mais conteúdo sobre: