Picos - PI

Empresário Raimundo Filho admite disputar prefeitura de Picos

Nome do empresário é um dos citados para disputar o comando do Palácio Coelho Rodrigues em 2020.

José Maria Barros
Picos
- atualizado

Filiado ao PSDB o empresário Raimundo Filho admitiu nesta quinta-feira, 22, que poderá concorrer ao mandato de prefeito de Picos nas eleições do próximo ano.

Segundo Raimundo Filho, a parte política por ele sempre está envolvido na expectativa, em objetivos de melhorias para a macrorregião, as pessoas lembram o nome dele, convidam-no, acham que pode agregar de maneira positiva a área política.

O empresário ressalta que o Brasil está passando por uma modificação muito forte na maneira de se fazer política e, a seu ver tem os erros, mas está sendo saudável, porque a população está participando mais, está cobrando mais.

  • Foto: José Maria Barros/GP1Raimundo Filho admite candidatura a prefeito de PicosRaimundo Filho admite candidatura a prefeito de Picos

“Na realidade, nós agradecemos muito pela lembrança do nosso nome, porém, estamos aqui para contribuir, para somar. Posso ser candidato a prefeito de Picos? Existe essa possibilidade, mas nada forçado, de goela abaixo. Se existir uma unanimidade, isso pode ser conversado, entretanto, sempre colocando à frente de qualquer compromisso político a gestão do município de Picos” – afirmou Raimundo Filho.

Convite do PSL

No final do mês de julho, o empresário Raimundo Filho foi convidado pelo presidente estadual do PSL, Luís André, a se filiar a sigla e disputar as eleições em Picos no próximo ano como candidato a prefeito.

Ele ressalta, porém, que outros partidos também já o convidaram a se filiar, já pediram que ele fosse conversar. “No entanto, como nesse momento a gente tem objetivos de na realidade fazer com que a produção e o nosso município tenha um crescimento, a gente por enquanto está deixando ficar mais perto para poder tomar alguma decisão definitiva” – declarou Raimundo Filho.

Em 2010, o empresário foi candidato a vice-governador numa chapa pura tucana liderada pelo ex-prefeito de Teresina, Silvio Mendes. Raimundo Filho também foi destaque na eleição para a Câmara Federal em 2006. Na época ele conquistou mais de 80 mil votos, mas não foi eleito em razão da votação de legenda.

Mais conteúdo sobre: