Piauí

Estado do Piauí utiliza apenas10% das terras agricultáveis do Cerrado

O democrata pontuou que o ex-governador Wellington Dias (PT) fez muitas promessas aos produtores de grãos da região sul do Estado, porém muito pouco foi feito.

DO GP1

O deputado Edson Ferreira (DEM) afirmou que os agricultores dos cerrados piauienses estão decepcionados com a atual gestão. O democrata pontuou que o ex-governador Wellington Dias (PT) fez muitas promessas aos produtores de grãos da região sul do Estado, porém muito pouco foi feito.

O democrata destacou que a atualmente o Piauí é o maior produtor de soja do país, salientando que o Piauí utiliza apenas 10% de sua potencialidade nos cerrados, ou seja quinhentos mil hectares, tendo em vista que o estado possui oito milhões de hectares na área em questão, sendo que cinco milhões de hectares se encontram “ociosos”.

O parlamentar acrescentou que caso o Piauí alcance o marco de cinco milhões de hectares produtivos, não irá denegrir o meio ambiente, pois as terras a serem cultivadas já excluem os 25% da área a serem preservadas previstas nas Leis Ambientais.

Edson Ferreira observou que de acordo com um cálculo de um dos produtores pioneiros do Cerrados Piauienses, o agricultor Jonas Barcelos, o Piauí tem capacidade de produzir mais de 15% dos grãos para o consumo do Brasil. Para o deputado a o maior empecilho encontrado pelos produtores, trata-se da falta de investimentos do Estado.

“Os produtores ainda estão otimistas com o futuro do cerrado do Piauí. Ouvimos que a nossa produtividade média de soja é a maior do Brasil.Vimos o produtor Jonas Barcelos que há 15 anos está lá que fez um calculo simples mostrando que o Piauí é um estado promissor o que precisamos, é de uma estrada para Gilbués, termos um ramal da Transnordestina para levar nossa produção para o futuro Porto de Luiz Correia”, finalizou Edson Ferreira.

Mais conteúdo sobre: