Uruçuí - PI

Ex-prefeita de Uruçuí Débora Renata vira ré na Justiça Federal

A decisão do juiz federal Brunno Christiano Carvalho Cardoso, da Vara Única de Floriano, foi dada no dia 27 de março.

Wanessa Gommes
Teresina
- atualizado

O juiz federal Brunno Christiano Carvalho Cardoso, da Vara Única de Floriano, recebeu denúncia contra a ex-prefeita de Uruçuí, Débora Renata Coelho de Araújo, a ex-secretária de Educação, Irenice Saraiva, e o ex-presidente da Comissão de Licitação, Luciano Ribeiro, por irregularidade em licitação. A decisão foi dada no dia 27 de março.

Segundo denúncia do Ministério Público Federal, no ano de 2013, a ex-prefeita e ex-secretária realizaram a dispensa de licitação em desacordo com as disposições legais com a finalidade de adquirir combustíveis e alugar veículos utilizando recursos do Fundeb.

Consta ainda que a ex-prefeita e Luciano forjaram caráter competitivo do procedimento licitatório (Pregão Presencial 012/2013) também para a contratação de alugueis de veículos obtendo vantagens decorrente do objeto da licitação.

O magistrado destacou na decisão que na denúncia há indícios consistentes de materialidade e de autoria motivo pelo qual decidiu receber a denúncia.

Outro lado

A ex-prefeita Débora Renata não foi localizada pelo GP1.