Política

Governador Wilson Lima é diagnosticado com covid-19

Em mensagem publicada no Twitter, governador disse que está bem e seguirá despachando de casa.

Por  Estadão Conteúdo

O governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), anunciou nesta quinta-feira, 13, que foi diagnosticado com o novo coronavírus. Em mensagem publicada no Twitter, ele afirmou que está bem de saúde e seguirá despachando de casa. Lima é o 12º chefe de Executivo estadual a ser infectado pela covid-19.

Além dele, tiveram diagnóstico positivo os governadores de São Paulo, João Doria (PSDB); Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC); Pará, Helder Barbalho (MDB); Pernambuco, Paulo Câmara (PSB); Alagoas, Renan Filho (MDB); Roraima, Antonio Denarium (sem partido); Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB); Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM); Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL); Sergipe, Belivaldo Chagas (PSD); e Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB).

"Seguindo o compromisso de total transparência em todas as ações relacionadas ao coronavírus, venho aqui comunicar que recebi o resultado do meu exame e deu positivo para a covid-19", disse o governador do Amazonas na rede social. "Estou bem de saúde, mas vou seguir todas as recomendações médicas. A partir de hoje, estou em isolamento, inclusive aqui dentro de casa. Vou ficar despachando com os meus secretários e mantendo algumas reuniões por videoconferência." Ele ainda reforçou as orientações dos profissionais da saúde de usar máscara, álcool gel e manter o distanciamento social.

Impeachment

Na semana passada, Wilson Lima teve seu pedido de impeachment arquivado pela Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas por 12 votos a 6. O pedido apresentado pelo presidente do Sindicato dos Médicos do Amazonas, Mário Vianna, e pela oftalmologista Patrícia Sicchar, acusava Lima e o vice, Carlos Almeida Filho (PTB), de suposta prática de crimes de responsabilidade e improbidade administrativa envolvendo o mau uso dos recursos públicos na área da saúde durante a pandemia do novo coronavírus. Conforme reportagem do Estadão mostrou, nem a oposição acreditava na continuidade do processo.

Mais conteúdo sobre: