Brejo do Piauí - PI

Juiz marca julgamento de padrasto acusado de matar enteado no Piauí

A decisão do juiz de direito José Carlos da Fonseca Lima Amorim, da Vara Única de Canto do Buriti, foi dada na última terça-feira (05).

Wanessa Gommes
Teresina
- atualizado

O juiz de direito José Carlos da Fonseca Lima Amorim, da Vara Única de Canto do Buriti, marcou para o dia 26 de fevereiro, às 14 horas, na sala de audiências do fórum da cidade, a audiência de instrução e julgamento de Danilo Veras dos Santos acusado de matar o enteado Kaio Costa de Sousa e a filha Maria Vitória Veras dos Santos em Brejo do Piauí. A decisão foi dada na última terça-feira (05).

A mãe das crianças, Joelma Pinto da Costa, também será julgada. O julgamento é para decidir se o casal vai a Júri Popular ou não.

  • Foto: DivugaçãoKaio e o padrasto Danilo acusado de homicídioKaio e o padrasto Danilo acusado de homicídio

Danilo está preso na Casa de Detenção Provisória Dom Inocêncio López Santamaria, em São Raimundo Nonato e Joelma está recolhida na Penitenciária Feminina de Teresina.

Relembre o caso

Danilo foi preso no dia 13 de outubro acusado de matar o enteado de 11 anos e a filha de apenas 5 meses. As investigações da polícia apontaram que Danilo estuprou a filha e que o menino teria presenciado, razão pela qual o acusado matou a criança por asfixia por estrangulamento.

Depois de matar Kaio, o acusado agrediu a filha que foi internada em estado grave, com múltiplas fraturas, na UTI pediátrica do Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano. No entanto, a bebê não resistiu e faleceu no dia 15 de outubro.

  • Foto: DivulgaçãoJoelma Pinto da CostaJoelma Pinto da Costa

Já Joelma foi presa, no dia 8 de janeiro deste ano, durante audiência no Fórum de Canto do Buriti. O pedido de prisão foi feito pelo promotor de Justiça José William Pereira Luz que alegou omissão por parte da mãe e o juiz José Carlos Amorim deferiu o pedido.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mãe de crianças mortas em Brejo do Piauí é presa acusada de omissão

Acusado de matar enteado e filha no Piauí vira réu na Justiça

Padrasto é preso acusado de matar enteado em Brejo do Piauí