Eleições 2020

Mais de 2 milhões de eleitores do Piauí poderão votar neste ano, diz TSE

Por ser a capital do estado, Teresina, possui o maior colégio eleitoral, no qual é baseado em 558.661 eleitores.

Davi Fernandes
Teresina
- atualizado

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), divulgou nesta quinta-feira (06) que mais de 2,4 milhões de piauienses estão aptos para votarem nas eleições municipais deste ano, onde serão eleitos vereadores e prefeitos nas cidades do Piauí.

Por ser a capital do estado, Teresina, possui o maior colégio eleitoral, no qual é baseado em 558.661 eleitores. O menor eleitorado, trata-se do município de Miguel Leão, com apenas 1.586 pessoas aptas a votarem.

  • Foto: Alef Leão/GP1Novas urnas eletrônicas Novas urnas eletrônicas

Exclusão da biometria

Em julho deste ano, o presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso, decidiu pela exclusão da necessidade de identificação biométrica no dia da votação nas eleições, pois o tribunal vai seguir a recomendação de médicos infectologistas que prestaram consultoria sanitária para as eleições.

Conforme o parecer dos técnicos, a biometria poderia aumentar a possibilidade de infecção pelo novo coronavírus (covid-19), já que não haveria a possibilidade de realizar a sanitização do leitor da urna eletrônica com frequência.

  • Foto: Alef Leão/GP1Biometria eletrônica das novas urnas Biometria eletrônica das novas urnas

Outro ponto destacado pelos profissionais foi a possibilidade de aglomerações, tendo em vista que muitas pessoas possuem dificuldade na leitura das digitais, aumentando a chance de formar filas e aglomerações.

Eleições em novembro

A Câmara dos Deputados aprovou o adiamento das eleições para os dias 15 e 29 de novembro deste ano. A disputa estava marcada para 4 de outubro (primeiro turno) e 25 de outubro (segundo turno).

NOTÍCIAS RELACIONADAS

TSE exclui identificação biométrica nas eleições deste ano

Câmara aprova adiamento das eleições municipais para novembro

Mais conteúdo sobre: