Teresina - PI

Margarete Coelho promete independência frente ao Governo Bolsonaro

"No momento em que houver necessidade de discordar, discordaremos com muita independência. Agora com muita lealdade ao Piauí e ao Brasil", disse Margarete.

Germana Chaves
Teresina
- atualizado

A deputada federal eleita pelo Piauí, Margarete Coelho, conversou com o GP1 nesta sexta-feira (11) sobre o comportamento do Progressistas frente ao Governo de Jair Messias Bolsonaro (PSL). Ela antecipou que a bancada piauiense composta também por Iracema Portella, deverá caminhar de acordo com as questões de interesse do Estado, buscando sempre uma postura de independência e lealdade.

“Vamos fazer o que for melhor para o Piauí. No momento que tivermos que votar a favor nós votaremos, mas, se for bom para o Piauí. No momento em que houver necessidade de discordar, discordaremos com muita independência. Agora com muita lealdade ao Piauí e ao Brasil. Nada que for bom para o Brasil ou para o Piauí, terá nossa oposição por questões políticas”, afirmou a deputada eleita.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Margarete CoelhoMargarete Coelho

Ciro Nogueira

Durante entrevista à nossa reportagem, o presidente nacional do Progressistas, o senador piauiense Ciro Nogueira Filho disse, que a maioria do partido defendia apoio a Jair Bolsonaro.

“Nada definido [sobre apoio ao Governo Federal], mas, a maioria do partido tem essa intenção”, disse o senador em recente entrevista.

NOTÍCIA RELACIONADA

Ciro Nogueira diz que maioria do PP defende apoio a Bolsonaro