Curimatá - PI

Moradores reclamam da Agespisa por água suja e barrenta em Curimatá

Segundo o ex-prefeito Reidan Kleber, muitos moradores estão comprando água ou pegando em poços localizados no município para poderem ter acesso à água limpa para consumo.

Bárbara Rodrigues
Teresina
Davi Fernandes
Teresina
- atualizado

O ex-prefeito de Curimatá, Reidan Kleber, denunciou ao GP1 que há mais de 15 dias a população está sofrendo com problemas no abastecimento de água, que é realizado pela Agespisa no município.

Uma água suja, barrenta, tem chegado à residência de vários moradores no município de Curimatá. Segundo o ex-prefeito Reidan Kleber, muitos moradores estão comprando água ou pegando em poços localizados no município para poderem ter acesso à água limpa para consumo.

  • Foto: DivulgaçãoÁgua suja no localÁgua suja no local

Por meio de nota, a Agespisa informou ao GP1 que o baixo nível da Barragem Vereda da Cruz, em Curimatá, tem comprometido a qualidade da água distribuída à população e para solucionar o problema a empresa vai precisar mudar o ponto de captação, tendo que ser instalado um novo sistema no riacho.

Confira a nota na íntegra:

A Agespisa informa que o baixo nível da Barragem Vereda da Cruz, em Curimatá, tem comprometido a qualidade da água distribuída à população. Para solucionar o problema, a empresa vai mudar o ponto de captação, instalando um novo sistema no Riacho Curimatá, que vem recebendo água da Barragem Algodões II. A previsão é de que os serviços sejam concluídos amanhã, 17.

Mais conteúdo sobre: