São Félix do Piauí - PI

Morte de empresário em São Félix pode ter sido encomendada, diz polícia

“A esposa da vítima confirmou eu ele trabalhava emprestando dinheiro como agiota. Eu estou trabalhando na linha de execução, como se fosse um crime encomendado", disse o delegado Thiago Silva.

Brunno Suênio
Teresina
- atualizado

O delegado Thiago Silva, responsável pelas investigações que apuram a morte do empresário Alan Moura e Silva, disse em entrevista ao GP1, na tarde desta terça-feira (10), que a Polícia Civil suspeita que três indivíduos tenham participação no crime com características de execução, registrado no último dia 07 de março, em São Félix do Piauí.

O presidente do inquérito relatou que está ouvindo pessoas que possam ter testemunhado o homicídio, no entanto, a investigação esbarra no silêncio dos moradores, que estão receosos com a situação, que termina gerando medo na população do município com aproximadamente três mil habitantes.

  • Foto: Reprodução/WhatsAppEmpresário Alan MouraEmpresário Alan Moura

“A esposa da vítima confirmou eu ele trabalhava emprestando dinheiro como agiota. Eu estou trabalhando na linha de execução, como se fosse um crime encomendado, mas eu não posso confirmar, pois nós estamos trabalhando para ver se obtém elementos caracterizadores, mais robustos”, explicou.

Os levantamentos iniciais dão conta das participações de três elementos na execução do crime de encomenda. “Até agora a gente trabalha com a hipótese de três pessoas, mas nós estamos buscando esses dados e testemunhas que tenha visto. Foi um crime bem complexo, que ocorreu em uma cidade pequena com pouco mais de 3 mil habitantes, onde os moradores ficam por vezes receosos em falar”, acrescentou.

Entenda o caso

O empresário Alan Moura e Silva, de 39 anos, teve a casa invadida e acabou sendo assassinado com vários tiros na tarde de sábado (7), por volta das 16h, no município de São Félix do Piauí. Alan Moura já foi suplente de vereador no município e atualmente atuava no ramo de vaquejada.

De acordo com a Polícia Militar, o empresário foi abordado por dois suspeitos em uma moto quando chegava em casa, de Teresina. Os criminosos invadiram o imóvel da vítima e a assassinaram dentro de sua residência.

“Os bandidos dispararam várias vezes contra a vítima, agora estamos em diligências com objetivo de localizar os autores do crime, eles precisam ser presos. O empresário voltava de Teresina e quando parou para entrar em casa, os criminosos iniciaram a ação. Infelizmente, o empresário não sobreviveu”, detalhou o cabo Franciel, da PM de São Félix do Piauí.

Após o crime, os suspeitos seguiram destino ignorado. Os policiais das cidades de São Félix do Piauí, Prata do Piauí, Valença e São Miguel da Baixa Grande estão realizando buscas nas regiões próximas ao município com o objetivo de prender os suspeitos que praticaram o crime.

Mais conteúdo sobre: