São Gonçalo do Piauí - PI

MPF apura aplicação irregular de recursos em São Gonçalo do Piauí

A portaria nº 33 foi assinada na segunda-feira (18), pelo procurador de República, Antônio Cavalcante de Oliveira Júnior.

Wanessa Gommes
Teresina
- atualizado

O Ministério Público Federal instaurou procedimento preparatório para investigar irregularidades na Prefeitura de São Gonçalo do Piauí, administrada pelo prefeito Luís de Sousa Ribeiro Junior, mais conhecido como Junior Ribeiro. A portaria nº 33 foi assinada na segunda-feira (18), pelo procurador da República, Antônio Cavalcante de Oliveira Júnior.

O objetivo é apurar irregularidades na aplicação de recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (FUNDEB), notadamente em erros cometidos pela Prefeitura de São Gonçalo do Piauí durante a seleção de membros para composição do Conselho do FUNDEB.

  • Foto: Facebook/Luana ReisPrefeito Junior RibeiroPrefeito Junior Ribeiro

O membro do MPF considerou a inexistência de elementos suficientes nos autos que permitam a análise ministerial sobre as irregularidades noticiadas, em face primordialmente do não atendimento pela Prefeitura de São Gonçalo do Piauí, a expediente emitido pelo órgão ministerial.

Outro lado

O prefeito Junio Ribeiro não foi localizado pelo GP1.