Política

Pablo Santos contesta indicação de Nerinho para diretoria de hospital

Presidente da Fundação defende permanência da médica Patrícia Batista na direção do Hospital Regional Justino Luz.

- atualizado

Após as declarações do deputado Nerinho (PTB), que defendeu no último sábado (11) a nomeação de um técnico para a direção do Hospital Regional Justino Luz, em Picos, o deputado Pablo Santos contestou. Atual presidente da Fundação Hospitalar, o parlamentar se posicionou pela permanência da médica Patrícia Maria Santos Batista, que assumiu o cargo ainda em julho de 2017, e no último dia 6 deste mês, foi nomeada pelo governador Wellington Dias (PT) para exercer o cargo em comissão, de Diretor de Unidade Hospitalar III, símbolo DAS- 3, do Hospital Regional, da Secretaria de Saúde.

Segundo Pablo Santos, a nomeação de Patrícia Batista para a direção do Hospital Justino Luz é indiscutível. “Não tem o que se questionar sobre o currículo da Dra. Patrícia Batista como gestora, que além de perfil político, traz um perfil técnico”, argumenta o deputado.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Pablo SantosPablo Santos

Patrícia é concursada do estado como Auditora do SUS, ex-diretora da Unidade de Controle, Avaliação, Regulação e Auditoria (DUCARA), presidente do COSEMS (conselho estadual de Secretárias municipais), ex-secretária municipal de saúde de Francisco Santos, professora concursada da Universidade Federal de Medicina e coordenadora do curso médico de Picos.

Vale destacar, que as declarações de Nerinho (PTB), ocorrem justamente no momento dos diálogos para indicação dos cargos em segundo e terceiro escalão do governo do estado. Sobre as falas do petebista, o presidente da Fundação Hospitalar declara: “Quando ele teve a oportunidade de indicar o diretor do Hospital Regional, ele indicou a irmã, e agora quer que a vaga seja ocupada por um técnico?", questionou.

  • Foto: José Maria Barros/GP1Patrícia BatistaPatrícia Batista

“Como presidente da Fundação Hospitalar, devo colocar pessoas da minha confiança nos cargos, além de claro, da capacidade de cada um dos gestores, que no caso da Dra. Patrícia Batista é indiscutível. Na secretaria do deputado Nerinho, eu não ando indicando superintendência, cada parlamentar deve respeitar o espaço do outro”, finaliza Pablo Santos.

NOTÍCIA RELACIONADA

Nerinho defende indicação de técnico para direção do Hospital Justino Luz

Mais conteúdo sobre: