Entretenimento

Pai de Gabriel Diniz entra ao vivo no Instagram do filho

Cizinato afirmou que as coisas do Gabriel não têm que morrer, se acabar, serem eliminadas, pelo contrário as coisas dele têm que ser trazidas à tona.

Davi Fernandes
Teresina
- atualizado

O pai de Gabriel Diniz, Cizinato Diniz, entrou na conta do filho no Instagram nessa terça-feira (25), para fazer uma transmissão ao vivo e explicou aos fãs que pretende fazer mais lives para quebrar o tabu da morte e matar a saudade junto com eles.

"Estou ao vivo aqui representando o Gabriel. Logo logo a gente vai se familiarizar com essas coisas. Para a gente ir se familiarizando, quebrando essas barreiras de emoção, eu vou tomar a liberdade de fazer essas lives. Não se preocupem, sei que tem gente que vai ficar apreensiva. As coisas dele não têm que morrer, se acabar, serem eliminadas... Pelo contrário. As coisas dele têm que ser trazidas à tona. Espero que vocês não tomem susto, mas a gente está aqui tentando tirar um pouco desse medo. Não tem que ficar com esse tabu que o celular de Gabriel não pode ser tocado, o Instagram não pode ser tocado. Vamos quebrar esse tabu”, contou o pai do cantor.

Na live Cizinato apareceu deitado na rede de casa, em João Pessoa e aproveitou para mostrar um pouco da intimidade da família e conversou com os fãs durante 30 minutos. Ele mostrou um jardim em que o cantor gostava de relaxar e apareceu a funcionária da casa com quem Gabriel costumava brincar e postar vídeos nas redes sociais.

“Se ele partiu cedo, isso não importa. O que importa é o quanto ele fez. E ele tão jovem viveu tanto, marcou muita gente. Então isso pra mim me basta. A saudade é grande, mas me basta”, contou o pai na transmissão ao vivo com mais de 5 milhões de fãs do cantor.

Morte do cantor

O cantor Gabriel Diniz, conhecido pelo hit “Jenifer”, morreu na segunda-feira, 27 de maio em uma queda de um avião de bimotor, no Povoado Porto do Mato, situado na cidade de Estância, Sul de Sergipe.

Amigos do cantor de 28 anos reconheceram o corpo do artista entre os mortos. A assessoria de imprensa de Gabriel Diniz já havia confirmado que o cantor estava no avião. No início das buscas, encontraram o passaporte do artista. Conforme o Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu no final da manhã de hoje. A Polícia Militar confirmou três mortes.

Avião não podia fazer táxi aéreo

A aeronave Piper Cherokee PT-KLO, que levava o cantor Gabriel Diniz, não possuía autorização para realizar táxi aéreo. Gabriel estava a caminho de Maceió para se encontrar com sua namorada, que faz aniversário hoje.

Conforme a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) a aeronave é do Aeroclube de Alagoas e tinha apenas permissão para realizar voos de treinamento ou de instrução. Ou seja, o avião não poderia fazer voos privados ou táxi aéreo. A manutenção do avião estava em dia, sendo que era válida até 2020.

O avião era pilotado por Linaldo Xavier, que era engenheiro eletricista e dividia a vida em exercer a aviação executiva. Linaldo fez o curso de piloto no Aeroclube de Alagoas. O outro piloto que estava no avião era Abraão Farias.

Perfil do cantor

Gabriel Diniz tinha 28 anos e nasceu em Campo Grande (MS). Ele foi criado em João Pessoa (PB), onde morava e teve uma banda com amigos da escola. GD, como era conhecido, era um astro do forró, mas transitava bem no sertanejo.

O estouro veio no segundo semestre do ano passado, com "Jenifer", o grande hit do último verão. A música divertida sobre uma mulher encontrada no Tinder foi a primeira de Diniz a chegar ao topos das paradas de todo o Brasil.

Os maiores sucessos anteriores dele eram "Paraquedas", com Jorge e Mateus (18 milhões de visualizações no YouTube) e "Acabou, acabou", com Wesley Safadão (62 milhões). Ele tinha empresários em comum com Safadão.

Com colaboração da repórter Victória Xavier

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Corpo de Gabriel Diniz é enterrado em cemitério de João Pessoa

Corpo do cantor Gabriel Diniz é velado em João Pessoa

Avião que caiu com Gabriel Diniz não tinha permissão para fazer táxi aéreo

Cantor Gabriel Diniz morre aos 28 anos em queda de avião

Mais conteúdo sobre: