Rio Grande do Piauí - PI

Promotor alerta prefeito Maurício Martins sobre uso indevido de veículos

Com a proximidade da eleição, o promotor explicou que a recomendação do Ministério Público é "instrumento de orientação que visa antecipar o cometimento do ilícito".

Bárbara Rodrigues
Teresina
- atualizado

O Ministério Público do Estado, por meio do promotor Francisco de Assis, expediu uma recomendação no dia 15 de julho, ao prefeito de Rio Grande do Piauí, Maurício Martins, sobre a utilização indevida de veículos da prefeitura.

O promotor afirmou que “a utilização gratuita de máquinas e materiais da prefeitura ou custeadas por esta, para realização de benfeitorias em propriedades particulares, urbanas ou rurais, em período próximo às eleições, ressalvadas as exceções na legislação, se caracterizam como conduta vedada”.

  • Foto: Facebook/Maurício MartinsMaurício MartinsMaurício Martins

Com a proximidade da eleição, o promotor explicou que a recomendação do Ministério Público é "instrumento de orientação que visa antecipar o cometimento do ilícito e evitar a imposição de sanções, muitas vezes graves e com repercussões importantes na candidatura".

Ele então recomendou que o prefeito Maurício Martins informe aos seus correligionários e que se abstenham da utilização indevida de veículos próprios ou terceirizados da administração pública, em especial não usar as máquinas e veículos do PAC-2 em situações extravagantes ao termo assinado com o Ministério do Desenvolvimento Agrário”.