Esportes

Rodrigo Pessoa é desclassificado dos Jogos por doping de seu cavalo

Brasileiro é suspenso por quatro meses e meio, mas pode recorrer

Do GP1

Fonte - Globo Esporte.com

A Federação Eqüestre Internacional (FEI) anunciou nesta sexta-feira a sua decisão sobre o caso de doping de Rufus, cavalo Rodrigo Pessoa, flagrado durante os Jogos de Pequim. Além de suspender o quinto lugar do brasileiro nas Olimpíadas de 2008, a entidade o suspendeu por quatro meses e meio e determinou uma multa de US$ 1,7 mil.

Pessoa, que já estava suspenso preventivamente desde o dia 29 de agosto, ficará afastado de competições até o dia 10 de janeiro de 2009. O brasileiro, porém, ainda pode recorrer da decisão.

Rufus foi flagrado em um exame antidoping realizado no dia 23 de agosto por uso de nonivamida, uma substância proibida por causar hipersensibilidade e ter propriedades analgésicas.

 

Com a decisão da FEI, Rodrigo Pessoa não participará do Athina Onassis International Horse Show, etapa brasileira que encerra Circuito Mundial de Saltos, na próxima semana.

 

Outro brasileiro cujo animal foi pego no exame antigoping em Pequim, Bernardo Pessoa ainda não teve sua situação definida. Embora o anúncio do doping do cavalo Chupa Chup tenha sido anterior ao de Rufus, a FEI ainda não anunciou sua decisão sobre punições para o cavaleiro, que está suspenso preventivamente.