Piauí

Sindicato dos Médicos do PI divulga nota de repúdio contra o IPMT

Segundo a nota, o instituto bloqueou a médica Lúcia Maria de Sousa Aguiar dos Santos, diretora do SIMEPI, do sistema de atendimento do Plano IPMT-Saúde como forma de retaliação.

BRUNNO SUÊNIO
DE TERESINA
- atualizado

O Sindicato dos Médicos do Estado do Piauí (SIMEPI) divulgou, nesta terça-feira (06), nota de repúdio contra o Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Teresina (IPMT).

  • Foto: Divulgação/Google MapsSimepi divulga nota de repúdio contra o IPMTSimepi divulga nota de repúdio contra o IPMT

Segundo a nota, o instituto bloqueou a médica Lúcia Maria de Sousa Aguiar dos Santos, diretora do SIMEPI, do sistema de atendimento do Plano IPMT-Saúde como forma de retaliação após uma reunião que aconteceu no dia 22 de janeiro: “(...) oportunidade na qual a referida Diretora, representando o SIMEPI, bem como os médicos credenciados aos planos de saúde IPMT-Saúde e PLANTE, bravamente defendeu as reivindicações da categoria e os direitos dos usuários dos planos”, destacou.

Para o sindicato, a atitude do IPMT foi antissindical, ilegal e imoral.

Confira abaixo nota na íntegra

O Sindicato dos Médicos do Estado do Piauí – SIMEPI vem, respeitosamente, por meio desta nota, manifestar o seu mais veemente repúdio à atitude antissindical, ilegal e imoral praticada pelo Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Teresina – IPMT, que bloqueou do sistema de atendimento do Plano IPMT-Saúde a médica credenciada Dra. Lúcia Maria de Sousa Aguiar dos Santos, Diretora do SIMEPI, após reunião realizada na manhã do dia 22.01.2018 entre os representantes do IPMT e do SIMEPI, oportunidade na qual a referida Diretora, representando o SIMEPI, bem como os médicos credenciados aos planos de saúde IPMT-Saúde e PLANTE, bravamente defendeu as reivindicações da categoria e os direitos dos usuários dos planos, cujo tratamento é de responsabilidade desses profissionais médicos, e obteve tratamento hostil por parte dos representantes do IPMT.

Mais conteúdo sobre: